A DEUSA DE 1967

A DEUSA DE 1967

(The Goddess of 1967)

2000 , 118 MIN.

12 anos

Gênero: Drama

Estréia:

página inicial do filme
  • Ficha técnica

    Direção

    • Clara Law

    Equipe técnica

    Roteiro: Clara Law, Eddie L. C. Fong

    Elenco

    Elise McCredie, Nicholas Hope, Rikiya Kurokawa, Rose Byrne

  • Crítica

    22/05/2009 11h03

    Os apreciadores do chamado “cinema de arte” e de filmes “papo-cabeça” já têm programa garantido para este fim de semana: é o drama australiano A Deusa de 1967, um filme repleto de simbolismos e mensagens cifradas. A história fala de um rapaz japonês (Rikyia Kurokawa) que vai até a Austrália para comprar o carro dos seus sonhos: um Citröen rosado, fabricado em 1967. Lá chegando, ele conhece Deidre (Rose Byrne, que fará o papel de Dormé, no Episódio 2 de Star Wars), uma garota bonita, cega e bastante esquisita. Ela carrega uma grande mágoa de seu passado e pretende usar o cobiçado automóvel para conseguir sua vingança.

    O estranho casal vai empreender uma longa viagem através da Austrália, passando por desertos áridos e remexendo antigas e doloridas recordações. A luz estourada e as cores carregadas conferem ao filme um aspecto de sonho, uma estilização que unida à narrativa cheia de flash-backs transforma o roteiro numa espécie de quebra-cabeças, em que algumas peças parecem faltar. É preciso atenção e uma certa dose de paciência para acompanhar as intrigantes nuances da história. Mas, o resultado final compensa e dá margem a várias leituras.

    A diretora Clara Law nasceu em Macau e atualmente mora na Austrália. Este filme lhe rendeu o prêmio de melhor direção no Festival de Chicago e, curiosamente, ela tem um leve ponto em comum com o Brasil: Clara assinou um dos quatro episódios do filme Erotique, de 1994, ao lado da brasileira Ana Maria Magalhães.

    Rose Byrne foi escolhida a melhor atriz no Festival de Veneza por seu papel em A Deusa de 1967.

    20 de agosto de 2001
    ____________________________________________
    Celso Sabadin é jornalista e crítico de cinema da Rede Bandeirantes de Televisão, Canal 21, Band News e Rádio CBN. Às sextas-feiras, é colunista do Cineclick. [email protected]

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus