A PANTERA COR DE ROSA (2006)

A PANTERA COR DE ROSA (2006)

(The Pink Panther (2006))

2006 , 93 MIN.

Gênero: Comédia

Estréia:

página inicial do filme
  • Ficha técnica

    Direção

    • Shawn Levy

    Equipe técnica

    Roteiro: Len Blum, Michael Saltzman, Steve Martin

    Produção: Robert Simmonds

    Fotografia: Jonathan Brown

    Trilha Sonora: Christophe Beck, Henry Mancini

    Estúdio: Metro-Goldwyn-Mayer (MGM), The Montecito Picture Company

    Elenco

    Beyoncé Knowles, Emily Mortimer, Henry Czerny, Jean Reno, Kevin Kline, Kristin Chenoweth, Steve Martin

  • Crítica

    22/05/2009 11h03

    Não confunda: A Pantera Cor De Rosa não é uma refilmagem, mas sim baseado nos personagens que apareceram no cinema pela primeira vez em 1964, em filme homônimo dirigido por Blake Edwards. Para quem é fã do cult, a má notícia é que as novas aventuras do inspetor Jacques Clouseau (Steve Martin) devem atrair somente a geração que não cresceu tendo como a primeira produção uma referencia no cinema de comedia. Apesar das locações européias serem mantidas - o que preserva o toque de glamour que o primeiro filme reserva -, não temos mocinhas do nível de Claudia Cardinale.

    Jacques Clouseau (Steve Martin) é um policial bastante atrapalhado que atua em uma pequena cidade francesa. Ele é chamado a Paris pelo Inspetor-Chefe Dreyfus (Kevin Kline), que tem um plano: promove Clouseau ao cargo de Inspetor e o apresenta à imprensa como o investigador da morte do treinador do time de futebol francês, Yves Gluant (Jason Statham), cujo assassinato foi seguido do roubo do diamante conhecido como o da Pantera Cor-de-Rosa. Mas o plano de Dreyfus é somente usar o atrapalhado policial. Enquanto ele investiga o caso, seus homens, mais qualificados, teriam mais chances de descobrir o culpado fora dos holofotes da mídia. Mas, como trata-se de uma comédia e Clouseau é nosso herói, ao lado de seu novo companheiro Gendarme Gilbert Ponton (Jean Reno) e com a ajuda da secretaria Nicole (Emily Mortimer), ele chega perto do assassino do que os homens de Dreyfus.

    Mais do que ter como referência A Pantera Cor de Rosa de 1964, A Pantera Cor de Rosa resgata o tipo de humor que ficou famoso nos anos 90 com a clássica série cinematográfica Corra Que A Policia Vem Ai, protagonizada por Leslie Nielsen. Ambos os protagonistas são atrapalhados, mas de uma forma inocente. Suas confusões, apesar de graves, sempre acabam levando à solução do crime. Claro que, aqui, não falta, também, espaço às piadas escatológicas e a exploração em exaustão do sotaque francês criado por Steve Martin. O que, no final das contas, é o ponto alto na comédia. A cena na qual Clouseau tenta aprender a falar como um americano é uma das melhores. Talvez uma das poucas boas.

    Apesar do nome deste filme ser o mesmo do clássico de 1964, não há muitas semelhanças entre os dois longas-metragens. O que somente decepciona os fãs da Pantera. Por outro lado, esta nova produção tem muitos elementos que podem agradar aos espectadores mais novos, tornando esse seu maior público-alvo, também pela presença da popular cantora e atriz Beyoncé Knowles - que já viveu uma femme fatale em Austin Powers em o Homem do Membro de Ouro (2002).

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus