Caçada Mortal

CAÇADA MORTAL

(A WALK AMONG THE TOMBSTONES)

2014 , 113 MIN.

12 anos

Gênero: Ação

Estréia: 04/12/2014

página inicial do filme
  • Ficha técnica

    Direção

    • Scott Frank

    Equipe técnica

    Roteiro: Scott Frank

    Produção: Brian Oliver, Danny DeVito, Michael Shamberg, Stacey Sher, Tobin Armbrust

    Fotografia: Mihai Malaimare Jr.

    Trilha Sonora: Carlos Rafael Rivera

    Estúdio: 1984 Private Defense Contractors, Cross Creek Pictures, Da Vinci Media Ventures, Double Feature Films, Exclusive Media Group, Free State Pictures, Jersey Films, Traveling Picture Show Company (TPSC)

    Montador: Jill Savitt

    Distribuidora: Disney

    Elenco

    Adam David Thompson, Al Nazemian, Arthur Gerunda, Briana Marin, Chinasa Ogbuagu, Damion Lee, Dan Stevens, Danielle Rose Russell, David Anzuelo, David Harbour, Dennis Jay Funny, Eric Nelsen, Fabrizio Brienza, Frank De Julio, Genevieve Adams, Hans Marrero, Jeremie Harris, Jolly Abraham, Jon Goracy, Kim Rosen, Laura Birn, Leon Addison Brown, Liam Neeson, Liana De Laurent, Louise G. Colón, Luciano Acuna Jr., Marielle Heller, Mark Consuelos, Maurice Compte, Mike Carlsen, Mike Figueroa, Natia Dune, Nina Polan, Novella Nelson, Ólafur Darri Ólafsson, Patrick McDade, Purva Bedi, Razane Jammal, Samuel Mercedes, Sebastian Roché, Sophia Frank, Stephanie Andujar, Susham Bedi, Whitney Able

  • Crítica

    04/12/2014 19h20

    Chegou a hora de Liam Neeson colocar a cara de badass novamente e partir para ação no novo thriller Caçada Mortal (pobremente traduzido do original A Walk Among the Thombstones) e será tudo que você espera: um pouco de investigação, um toque de violência e uma pitada de sentimentalismo que valerão a atenção recebida até o desfecho.

    A trama é adaptada do livro de Lawrence Block, publicado em 1992, e acompanha Matthew Scudder, ex-policial e ex-alcóolatra que sobrevive como detetive particular. Assombrado por uma tragédia do passado, ele reluta em aceitar um caso um tanto quanto suspeito: ajudar um dos maiores traficantes de Nova York a encontrar os dois homens que sequestraram e mataram sua esposa.

    Escrito e dirigido por Scott Frank, o filme propõe o típico passo a passo de um thriller investigativo, exceto por toques que o destingue dos demais, já na abertura com uma sequência instigante, seguida de detalhes como a pessoa que acompanha o protagonista: ao invés da típica moça bonita, mas inteligente, temos o jovem T.J. (interpretado pelo rapper Astro, Brian Bradley), um esperto garoto de rua que não aceita esmola nem um "não" de ninguém, com quem o detetive desenvolve uma simpática química.

    Com ambiente obscuro e sombrio, a produção simples, mas efetiva, remete ao ano de 1999 com facilidade e cria de fato a sensação estranha de uma caminhada em meio ao cemitério em busca de pistas. Ainda que sem muita proufundidade, os personagens são bem construídos e ajudam a amarrar toda a narrativa.

    Conforme a investigação se prolonga, percebemos que não se trata de mais um simples caso de violência em troca de recompensa e sim de algo muito maior e tenebroso, e assim o Scudder passa a contar com a ajuda dos indivíduos improváveis, como outros traficantes, para impedir que a dupla ataque novamente.

    O episódio se desenvolve lentamente e a linearidade dá justamente essa impressão: parece um capítulo de algum típico seriado de investigação que faz o espectador tentar juntar as peças, revelando um pouco de cada vez. E mesmo que isso torne as coisas um pouco mais previsíveis, cenas como quando a dupla de criminosos escolhe sua próxima vítima, saem da mesmice e te puxam de volta ao foco.

    Aos 62 anos, Neeson mostra que não foi à toa que se consagrou nos filmes de ação a partir de Busca Implacável e entrega mais um trabalho bem feito, assim como o restante do filme. Apesar do título à la Tela Quente, Caçada Mortal é uma boa história contada com objetividade e sem exageros, um prato cheio para quem gosta do gênero.

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus