CRIMES DE AUTOR

CRIMES DE AUTOR

(Roman de Gare)

2007 , 103 MIN.

14 anos

Gênero: Suspense

Estréia:

página inicial do filme
  • Ficha técnica

    Direção

    • Claude Lelouch

    Equipe técnica

    Roteiro: Claude Lelouch, Pierre Uytterhoeven

    Produção: Claude Lelouch

    Fotografia: Gérard de Battista

    Trilha Sonora: Alex Jaffray

    Estúdio: Les Films 13

    Elenco

    Audrey Dana, Boris Ventura Diaz, Dominique Pinon, Fanny Ardant, Marc Rioufol, Michèle Bernier, Myriam Boyer, Thomas Le Douarec, Zinedine Soualem

  • Crítica

    22/05/2009 11h03

    Dirigido por Claude Lelouch, Crimes de Autor é uma boa pedida para os espectadores que gostam de ser intrigados por filmes. Sempre brincando com as intenções de seus personagens, o longa constrói um quebra-cabeça por meio de seu roteiro, cheio de reviravoltas e revelações surpreendentes.

    A história, criada por Lelouch, é centrada em Judith Ralitzer (Fanny Ardant), prestigiada escritora francesa. Além disso, a trama também foca paralelamente os caminhos de Pierre Laclos (Dominique Pinon) que, em viagem por uma estrada francesa, conhece a manicure histérica Huguette (Audrey Dana). Aos poucos, Crimes de Autor revela suas relações e suas verdadeiras faces numa trama repleta de mistério e farsas.

    Jogando sempre com a índole e intenções de seus personagens, Crimes de Autor trabalha as máscaras que criam para si mesmos, fazendo com que o espectador sempre fique em dúvida quanto a suas reais intenções. O maior charme deste filme está nas interpretações dos personagens, sempre dúbios, e o roteiro, que brinca com a realidade proposta pela história o tempo todo. Crimes de Autor não é um exemplo daquele cinema francês existencialista, herança da nouvelle vague, mas sim um leve e divertido entretenimento ao público pensante.

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus