EM BOA COMPANHIA

EM BOA COMPANHIA

(In Good Company)

2004 , 109 MIN.

anos

Gênero: Comédia Romântica

Estréia:

página inicial do filme
  • Ficha técnica

    Direção

    • Paul Weitz

    Equipe técnica

    Roteiro: Paul Weitz

    Produção: Chris Weitz, Paul Weitz

    Fotografia: Remi Adefarasin

    Estúdio: Depth of Field

    Elenco

    Dennis Quaid, Marg Helgenberger, Michalina Almindo, Ron Bottitta, Scarlett Johansson, Selma Blair, Topher Grace, Ty Burrell

  • Crítica

    22/05/2009 11h03

    O diretor, roteirista e produtor Paul Weitz (American Pie: A Primeira Vez É Inesquecível) acerta a mão novamente ao se desprender de todos os clichês de uma comédia dramática, situando-a nos tempos modernos - corporativo e competitivo - com segurança. Resultado: o tempero agridoce de Em Boa Companhia, assim como foi feito em seu filme anterior, Um Grande Garoto (2002).

    Weitz conduz com sagacidade o longa, que mostra os conflitos de um homem de 51 anos, bem-casado, tentando manter sua estabilidade e a idéia do "sonho americano". Dan Foreman (Dennis Quaid) é chefe de vendas de uma revista semanal de esportes, a Sports América. Com seu jeito sincero e maleável com os clientes, ele é um profissional bem-sucedido. Pelo menos até sua empresa resolver reestruturar toda a equipe e cortar gastos.

    Com a notícia de que será pai pela terceira vez e sua filha mais velha, Alex (Scarlett Johansson), passou na Universidade de Nova York, Dan sente o grande baque de arcar com suas responsabilidades, conter seus custos e manter o padrão de vida que sempre deu à família. E mais: o vendedor fica furioso quando descobre que perdeu seu posto para Carter Duryea (Topher Grace), um jovem promissor de 26 anos - quase a mesma idade que Dan tem de empresa. Carter tem muito talento e energia para o cargo, mas não tem experiência para lidar com a burocracia do dia-a-dia. Já Carter vê Dan da seguinte forma: um empregado que, apesar das dificuldades de conquistar laços de amizade, será seu braço direito na Sports América, com quem poderá aprender sem se tornar um reles adversário.

    O contato entre Dan e Carter ultrapassa o limite profissional quando o solitário jovem, ao ser abandonado pela esposa (Selma Blair) depois de sete anos de casamento, resolve conhecer melhor a família do novo colega de trabalho. Ao conhecer Alex, Carter logo fica fascinado. Numa das coincidências da vida, eles se reencontram em Manhattan e iniciam um affair em segredo. Mas, ao ser descoberto pelo durão e conservador Dan, o turbulento relacionamento entre os dois protagonistas fica ainda mais prejudicado.

    Em Boa Companhia é interessante por destacar como é normal lidar com inseguranças dentro de um ambiente de trabalho. Dan valoriza o aprendizado ao tentar se adaptar as novas exigências do mercado, assim como Carter tenta atingir mais maturidade e aprimorar seu caráter. O elenco tem grandes atuações, especialmente de Topher Grace e Dennis Quaid. Outro ponto positivo no comando de Weitz é apresentar um desfecho sublime, longe dos batidos contos de fadas. Em Boa Companhia é uma ótima oportunidade para aprender com pequenas situações e tirar boas lições de vida.

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus