Epizoda u Zivotu Beraca Zeljeza

UM EPISÓDIO NA VIDA DE UM CATADOR DE FERRO-VELHO

(Epizoda u Zivotu Beraca Zeljeza/ An Episode in the Life of an Iron Picker)

2013 , 75 MIN.

Gênero: Drama

Estréia: 20/03/2014

página inicial do filme
  • Ficha técnica

    Direção

    • Danis Tanovic

    Equipe técnica

    Roteiro: Danis Tanovic

    Produção: Amra Baksic Camo, Cédomir Kolar

    Fotografia: Erol Zubcevic

    Estúdio: Asap Films, Rai Cinema, SCCA/ pro.ba, Vertigo/Emotionfilm

  • Crítica

    19/03/2014 12h45

    Nazif Mujic sai da casa onde mora com a mulher, Senada, e as duas filhas, para ir cortar lenha. Volta com o punhado de madeira para aquecer a pouca comida para o jantar da família de origem cigana. O pobre vilarejo na periferia de Bósnia e Herzegovina é palco para a história real de Um Episódio Na Vida De Um Catador De Ferro-velho

    O diretor Danis Tanovic (Terra De Ninguém) convidou o casal Mujic para protagonizar o próprio drama, atingindo um realismo singular, que beira o documental - a experiência passa a ser vivida novamente, não apenas interpretada. Em 2013, o longa faturou o Grande Prêmio do Júri e o Prêmio de Melhor Ator no Festival de Berlim.

    Nazif trabalha recolhendo sucata para vender a um ferro-velho. Tira dos restos de uma sociedade consumista - que o coloca de lado - o meio para sobreviver. O diretor enfatiza isso ao olhar cuidadosamente as longas cenas do catador em meio ao inverno, com as mãos congelando em busca de peças.

    Apesar da pobreza, a família vive bem no vilarejo onde aproveita a vida simples. Mas, no dicionário dos pobres, a palavra fatalidade não deveria constar, pois logo leva a outras bem piores: injustiça e desespero.

    Grávida, Senada sente fortes dores e os dois vão a um distante hospital, onde descobrem que a criança está morta. Sem dinheiro, não conseguem pagar pela operação e a mulher passa a correr sério risco de vida, numa via crucis sem os adornos da lamentação cristã. 

    Sem trilha sonora, o tom completamente documental retrata de forma áspera e realista uma situação absurda, sem enfeitá-la ou dramatizá-la. Pois não é preciso. A atrocidade não reside em mocinhos e vilões, mas no próprio sistema.

    Com o colapso do comunismo e a dissolução da Jugoslávia, uma sangrenta guerra ganhou espaço e rasgou a nação em duas entidades politicamente autonomas, a Federação da Bósnia e Herzegovina e a República Sérvia . Os traumas sociais dos conflitos perduram ao longo das décadas e aqueles que estiveram na guerra, como Nazif, nada receberam. A eles restou apenas a miséria.

    A tentativa de sobreviver é permeada por tantas humilhações institucionalizadas que logo deixa o primeiro plano. Senada, por exemplo, se recusa a voltar ao hospital onde lhe foi negada ajuda sem ter os meios para ser salva, ou seja, o dinheiro. Numa última esperança, o casal recorre a um pequeno macete para lidar com o problema.

    Logo vem a cabeça a figura de Jean Valjean, protagonista de Os Miseráveis que passou 19 anos nos campos de trabalho forçado após roubar um pão para o sobrinho comer. Ser "honesto" é quase um luxo para quem precisa sobreviver. 

    Quando a luz dos Mujic é cortada devido à falta de pagamento, a escuridão é o que resta. As boas cenas filmadas no escuro ressaltam a sensação de fundo do poço, de impossibilidade de enxergar qualquer alternativa.

    Nazif despedaça o próprio carro para vender, seu único bem, assim como sua mulher perde a saúde por não ter recursos financeiros. O material, seja sujeito ou objeto, parece se converter em questão de sorte, desapropriado do indivíduo num contexto desfavorável.

    O círculo desse ótimo longa se fecha com Nazif cortando lenha novamente, num eterno retorno à lugar nenhum. A ironia dessa história é que a família Mujic não conseguiu retomar a antiga vida na Bósnia, mudando-se para a Alemanha, onde está à beira de ser deportada.

    Ou seja, o retrato da miséria ainda é bonito de ser exposto, mas está muito distante de ser assimilado e transformado em uma nova realidade.

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus