O IMBATÍVEL

O IMBATÍVEL

(Undisputed)

2002 , 94 MIN.

12 anos

Gênero: Ação

Estréia:

página inicial do filme
  • Ficha técnica

    Direção

    • Walter Hill

    Equipe técnica

    Roteiro: David Giler, Walter Hill

    Produção: Andrew Sugerman, Brad Krevoy, David Giler, Walter Hill

    Fotografia: Lloyd Ahern

    Trilha Sonora: Stanley Clarke

    Estúdio: Miramax Films

    Elenco

    Amy Aquino, Dayton Callie, Fisher Stevens, Johnny Williams, Jon Seda, Michael Rooker, Peter Falk, Ving Rhames, Wes Studi, Wesley Snipes

  • Crítica

    22/05/2009 11h03

    O diretor Walter Hill conseguiu obter um certo sucesso junto à crítica e ao público nos anos 80, com seus filmes 48 Horas, Ruas de Fogo e A Encruzilhada. Mas, após fracassos como Geronimo e Supernova, Will caiu no impiedoso esquecimento de Hollywood. Seu mais recente trabalho – O Imbatível –, apesar de ter o festejado Wesley Snipes no papel principal, é uma produção de baixo orçamento (US$ 5 milhões) com pouca repercussão no mercado americano.

    A trama fala de Iceman (Ving Rhames, de ConAir e dos dois episódios de Missão Impossível) e Monroe (Snipes), dois lutadores de boxe que por motivos e crimes diferentes cumprem pena na penitenciária. Certo dia, um velho criminoso (Peter Falk, o conhecido Columbo do seriado de TV, agora aos 75 anos) percebe que poderia ser um ótima idéia colocar os dois brutamontes frente a frente para uma inesquecível luta entre presidiários.

    Nada especial. Apenas uma tentativa de unir dois sub-gêneros bem conhecidos do cinema de ação: o chamado “filme de presídio” com o popular “filme de boxe”.

    28 de novembro de 2002
    ____________________________________________
    Celso Sabadin é jornalista e crítico de cinema da Rádio CBN. Às sextas-feiras, é colunista do Cineclick. [email protected]

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus