OPERAÇÃO LIMPEZA

OPERAÇÃO LIMPEZA

(Code Name: The Cleaner)

2007 , 91 MIN.

Gênero: Comédia

Estréia: 23/02/2007

página inicial do filme
  • Ficha técnica

    Direção

    • Les Mayfield

    Equipe técnica

    Roteiro: George Gallo, Robert Adetuyi

    Produção: Brett Ratner, Eric Rhone, Jay Stern

    Fotografia: David Franco

    Trilha Sonora: George S. Clinton

    Elenco

    Callum Keith Rennie, Cedric the Entertainer, DeRay Davis, Lucy Liu, Mark Dacascos, Nicollette Sheridan

  • Crítica

    23/02/2007 00h00

    Antigamente costumava-se dizer que "o que é bom para os Estados Unidos é bom para o Brasil". Hoje se sabe que a frase é das mais mentirosas. Principalmente para quem tem o desprazer de assistir a um filme protagonizado por Cedric the Entertainer, comediante famoso nos EUA, mas desconhecido no Brasil. E a julgar pelo seu novo trabalho - Operação Limpeza -, Cedric deve permanecer por aqui o mesmo desconhecido que sempre foi.

    Tomando carona na idéia inicial de A Identidade Bourne, a suposta comédia começa mostrando um homem acordando numa luxuosa suíte de hotel, com uma terrível dor de cabeça, um agente do FBI morto ao seu lado e uma pasta com US$ 250 mil. E mais: ele não faz idéia de quem possa ser, muito menos do que está acontecendo. Ele começa então a tentar entender a situação, ao mesmo tempo em que precisa fugir da CIA, de uma loira que se diz sua esposa e de uma namorada da qual não também não se recorda.

    Mesmo deixando o roteiro em segundo plano (na verdade ninguém espera uma grande história de uma simples comédia policial), o grande problema de Operação Limpeza é a sua total falta de veia cômica. Tanto por parte do ator principal como do diretor, Les Mayfield, responsável por outro grande fracasso no setor: Flubber, com Robin Williams.

    Nada funciona. As situações não são divertidas, o timming é lento, os diálogos são sonolentos, não há carisma no elenco. Enfim, uma grande perda de tempo.

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus