PEQUENOS ESPIÕES 2 - A ILHA DOS SONHOS PERDIDOS

PEQUENOS ESPIÕES 2 - A ILHA DOS SONHOS PERDIDOS

(Spy Kids 2: The Island of Lost Dreams)

2002 , 99 MIN.

anos

Gênero: Aventura

Estréia:

página inicial do filme
  • Ficha técnica

    Direção

    • Robert Rodriguez

    Equipe técnica

    Roteiro: Robert Rodriguez

    Produção: Elizabeth Avellan, Robert Rodriguez

    Fotografia: Robert Rodriguez

    Trilha Sonora: John Debney, Robert Rodriguez

    Estúdio: Dimension Films

    Elenco

    Alexa Vega, Antonio Banderas, Carla Gugino, Cheech Marin, Danny Trejo, Daryl Sabara, Emily Osment, Matthew O'Leary, Mike Judge, Steve Buscemi

  • Crítica

    22/05/2009 11h03

    O primeiro filme Pequenos Espiões custou R$ 35 milhões e rendeu mais que o triplo só nos cinemas americanos. Como não poderia deixar ser, a inevitável continuação foi realizada. E não fez feio: custou US$ 30 milhões e por enquanto faturou US$ 85 nos EUA (ele continua em cartaz por ali). Números a parte, Pequenos Espiões 2 também não faz feio na tela: assim como o primeiro episódio, esta seqüência também tem bom ritmo, interpretações carismáticas, um delicioso clima de histórias em quadrinhos e bugigangas de encher os olhos de qualquer um.

    Agora, o superespião Gregório Cortez (Antonio Banderas) está prestes a ser eleito Diretor da Divisão de Pequenos Espiões, onde entre outras crianças atuam seus filhos Juni (Daryl Sabara) e Carmen (Alexa Vega). Porém, na última hora, um outro espião lhe rouba o cargo, promovendo um verdadeiro “golpe de estado” na organização. Para salvar o emprego do pai, Juni e Carmen vão parar numa ilha misteriosa onde... mas peraí! Quem está interessado na história?

    Pequenos Espiões é uma divertida viagem pelo reino do impossível, capitaneada pelo diretor e roteirista Robert Rodriguez (de El Mariachi e Balada de um Pistoleiro), mestre na destilação de todo e qualquer tipo de exagero visual. Cores, cortes, sons, figurino tudo é “over” através das lentes de Rodriguez. É como permanecer durante 100 minutos numa montanha russa dentro de uma loja de brinquedos que ainda serão lançados. Um prato cheio para as crianças... de todas as idades.

    31 de outubro de 2002
    ____________________________________________
    Celso Sabadin é jornalista e crítico de cinema da Rádio CBN. Às sextas-feiras, é colunista do Cineclick. [email protected]

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus