QUATRO ESTRELAS

QUATRO ESTRELAS

(Quatre étoiles)

2006 , 101 MIN.

12 anos

Gênero: Comédia

Estréia: 06/07/2007

página inicial do filme
  • Ficha técnica

    Direção

    • Christian Vincent

    Equipe técnica

    Roteiro: Christian Vincent, Olivier Dazat

    Produção: Marc Missonnier, Olivier Delbosc

    Fotografia: Hélène Louvart

    Trilha Sonora: André Manoukian

    Estúdio: Fidélité Productions

    Elenco

    François Cluzet, Isabelle Carré, Jean-Paul Bonnaire, José Garcia, Mar Sodupe, Michel Vuillermoz

  • Crítica

    06/07/2007 00h00

    Cenários paradisíacos na Riviera Francesa, uma bela mulher, um golpista profissional, mil confusões emoldurando uma história de amor... A comédia romântica Quatro Estrelas tinha todos os elementos para dar certo, mas resultou num gigantesco desastre. As comédias, assim como os suflês, muitas vezes murcham inesperadamente, decepcionando a todos que aguardavam um prato saboroso.

    A história foca a jovem Franssou (a bela Isabelle Carré), que abandona sua vidinha monótona em Paris após receber uma inesperada herança. Para curtir os prazeres da vida, hospeda-se no badalado Hotel Carlton, em Cannes. É lá que ela conhece Lachesnaye (José Garcia), um trapaceiro que vive de pequenos golpes, por quem ela inexplicavelmente se sente atraída. É sobre esta dicotomia criada por uma garota bela e frágil envolvendo-se com um sujeito truculento e grosseiro que o filme tenta fazer rir. Mas não consegue. O diretor Christian Vincent não fornece à trama o pique e ritmo imprescindíveis às comédias. O roteiro - também fraco - é dos mais inconsistentes. Simplesmente é impossível compreender - ou, pelo menos, "engolir" - por que Franssou se apaixonaria por Lachesnaye. Além disso, os atores não têm química entre si.

    Restaria ao espectador, então, apenas curtir a bela região de Cannes, mas até nisso Quatro Estrelas peca. Em termos de fotografia e visual, nada chama a atenção. Uma total perda de tempo.

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus