SEMPRE AO SEU LADO

SEMPRE AO SEU LADO

(Hachiko: A Dog's Story)

2009 , 93 MIN.

Gênero: Drama

Estréia: 25/12/2009

página inicial do filme
  • Ficha técnica

    Direção

    • Lasse Hallström

    Equipe técnica

    Roteiro: Stephen P. Lindsey

    Produção: Bill Johnson, Richard Gere, Vicki Shigekuni Wong

    Fotografia: Ron Fortunato

    Trilha Sonora: Jan A. P. Kaczmarek

    Estúdio: Grand Army Entertainment, Inferno Distribution, Shochiku Kinema Kenkyû-jo

    Distribuidora: Imagem Filmes

    Elenco

    Cary-Hiroyuki tagawa, Davenia McFadden, Erick Avari, Jason Alexander, Joan Allen, Richard Gere, Sarah Roemer

  • Crítica

    22/12/2009 11h40

    Sempre ao Seu Lado, novo drama dirigido pelo cineasta sueco Lasse Hallström (O Vigarista do Ano), é baseado em uma antiga história que, embora real, foi incorporada ao folclore japonês. Em 1924, o cachorro Hachicko acompanhava diariamente seu dono - Hidesaburō Ueno, professor da Universidade de Tóquio – até a estação de Shibuya; no fim do dia, o cão retornava ao local para buscar seu dono após o expediente. Nem a morte de Ueno fez com que Hachiko parasse de ir diariamente à estação. O drama acabou tornando-se símbolo da fidelidade do cão, que, por dez anos, seguiu esperando o dono, até sua morte.

    A raça de Hachicko, Akita – conhecida por acompanhar imperadores -, também ficou popular, tornando-se um símbolo da dedicação japonesa à memória dos mortos; a história, contada através de gerações desde os anos 20, virou exemplo para educar crianças. Hachiko morreu em 8 de março de 1935 e restos mortais estão em guarda do Museu Nacional de Ciência do Japão em Ueno, Tóquio; na frente da estação de Shibuya, há uma estátua em homenagem ao cão.

    Sempre ao Seu Lado é refilmagem da produção japonesa Hachikô Monogatari (1987) e leva ao Ocidente esta história tão importante para a cultura japonesa. Mas, mais do que simbolizar elementos típicos dessa cultura, a história aborda valores universais a quaisquer culturas, como a fidelidade. Mesmo que por meio de um animal. Nesta versão, Richard Gere vive o professor Parker Wilson, que encontra um filhote da raça Akita – rara fora do Oriente – na estação de trem que frequenta. Mesmo com a reprovação da esposa (Joan Allen), ele abriga o animal em sua casa, na falta de opções. Mas claro que o cão acaba conquistando a todos na casa.

    Inevitável dizer que Sempre ao Seu Lado é um drama. Mas é um drama digno, que, embora tenha em sua história todos os elementos capazes de causar comoção no espectador, não o faz de forma apelativa. A direção elegante de Hallström ajuda o filme a chegar neste resultado, mas o grande destaque fica por conta do excelente treinamento conduzido nos cães que atuam como Hachiko. Impossível não se emocionar com tamanha fidelidade do animal e, neste caso, o treinamento é fundamental. É possível entender a forte ligação entre ele e seu dono e, por isso, a história funciona.

    Estreando no Brasil em pleno Natal, Sempre ao Seu Lado pode não se passar na data, mas acaba despertando no espectador alguns (bons) sentimentos natalinos.

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus