SEXY BEAST

SEXY BEAST

(Sexy Beast)

2000 , 91 MIN.

18 anos

Gênero: Suspense

Estréia:

página inicial do filme
  • Ficha técnica

    Direção

    • Jonathan Glazer

    Equipe técnica

    Roteiro: David Scinto, Louis Mellis

    Produção: Jeremy Thomas

    Fotografia: Ivan Bird

    Trilha Sonora: Roque Baños

    Elenco

    Alvaro Monje, Amanda Redman, Ben Kingsley, Cavan Kendall, Ian McShane, Julianne White, Ray Winstone

  • Crítica

    22/05/2009 11h03

    De bem com a vida em sua bela mansão na Espanha, Gal (Ray Winstone) é um criminoso aposentado que abandonou definitivamente sua carreira de crimes. Ou quase. Seu antigo patrão Don Logan (Ben Kingsley, o eterno Gandhi) o convocou para uma missão especial, e não aceita ouvir um não como resposta. Um dos lados terá de ceder, nem que seja na base da violência.

    Dirigido por Jonathan Glazer - cineasta especializado em comerciais e clipes, mas estreante no cinema -, Sexy Beast é um filme que tenta ser moderno, tenta imprimir aqui ou ali uma linguagem atual, tenta tratar o tema da bandidagem com ironia, mas em momento algum ultrapassa os limites da mera tentativa. Uma história rala e desinteressante num filme descartável que não diz a que veio.

    Surpreendentemente, porém, Sexy Beast tem recebido vários prêmios internacionais, principalmente por meio de Ben Kingsley, indicado ao Oscar de Coadjuvante por este trabalho. Ele já ganhou o Satélite de Ouro, o European Film Awards e o British Independet Awards por esta sua performance, que o próprio ator afirma ter sido baseada na personalidade de sua avó. Mas o filme, como um todo, é desperdício de tempo e dinheiro.

    14 de março de 2002
    ____________________________________________
    Celso Sabadin é jornalista e crítico de cinema da Rádio CBN. Às sextas-feiras, é colunista do Cineclick. [email protected]

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus