SIM SENHOR

SIM SENHOR

(Yes Man)

2008 , 104 MIN.

14 anos

Gênero: Comédia

Estréia: 30/01/2009

página inicial do filme
  • Ficha técnica

    Direção

    • Peyton Reed

    Equipe técnica

    Roteiro: Andrew Mogel, Danny Wallace, Jarrad Paul, Nicholas Stoller

    Produção: Jim Carrey

    Fotografia: Robert Yeoman

    Trilha Sonora: Lyle Workman, Mark Oliver Everett

    Elenco

    Bradley Cooper, Brent Briscoe, Danny Masterson, Fionnula Flanagan, Jim Carrey, John Michael Higgins, Maile Flanagan, Molly Sims, Nikki Giavasis, Patrick Labyorteaux, Rhys Darby, Rocky Carroll, Sasha Alexander, Terence Stamp, Zooey Deschanel

  • Crítica

    30/01/2009 00h00

    Jim Carrey é um dos principais comediantes que surgiram em Hollywood nos anos 90. No entanto, em 2007, ele resolveu investir num suspense, Número 23, que foi um verdadeiro fracasso de público. Para nosso alívio, Sim Senhor marca o retorno de Carrey às comédias. E, para quem apreciar suas caretas e o humor físico no qual ele é especializado, a boa notícia é que seu novo filme entrega exatamente o que se espera dele. E não há mal nenhum nisso.

    Carrey é Carl Allen. Funcionário de um banco, é conhecido por ser uma das criaturas mais rabugentas vivas - talvez não mais do que o Grinch, também encarnado pelo ator em O Grinch (2000). Ele diz "não" a tudo, principalmente após o término de seu casamento com Stephanie (Molly Sims), separação que nunca conseguiu superar. Mas, quando ele descobre o autor de livros de auto-ajuda e palestrante Terrence Bundley (Terence Stamp), sua vida muda. A filosofia do autor é dizer "sim" a todas as oportunidades que surgirem. Inclusive as que parecem serem menos atraentes. Desta forma, as pessoas estariam completamente abertas às ofertas de felicidade que o Universo lhes faz. Carl aceita e passa a viver melhor, na medida do possível: conhece uma bela moça (Zooey Deschanel) e vira o cara mais legal do pedaço. Mas é claro que nenhuma verdade é absoluta e ele começa a ver problemas em seu novo estilo de vida.

    Sim Senhor conquista pelos detalhes. A trama não traz surpresas de deixar o público boquiaberto. Mas não é isso que ele deseja, afinal de contas, mas sim um Jim Carrey careteiro e atrapalhado. E, de fato, o comediante está inspirado na pele de Carl. Vale destaque também a trilha sonora, assinada pelo grupo de indie rock The Eels. Além das composições originais, o filme ainda traz algumas pérolas dos anos 90 (leitores indies, reparem quando toca Superchunk e Dinosaur Jr. no bar onde Allison se apresenta), além de ter músicas do The Raconteurs, Bloc Party e The Bravery) e Zooey Deschanel soltando a voz na liderança da banda fictícia e totalmente cômica Munchausen By Proxy. Para quem não sabe, Zooey é vocalista da dupla She & Him, formada ao lado do artista folk M. Ward; juntos, lançaram em 2008 o disco Volume One, uma verdadeira preciosidade.

    Ou seja, não bastando trazer Jim Carrey em ótima forma como comediante, ainda é capaz de embalar aqueles atentos à trilha sonora. Desta forma, Sim Senhor nada mais é do que um leve entretenimento, trazendo diversão ao público cansado de tantos dramas. Leve, divertido e despretensioso, o longa é capaz de fazer o público se divertir. Simples assim.

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus