TRINTA ANOS ESTA NOITE

TRINTA ANOS ESTA NOITE

(Le Feu Follet)

1963 , 110 MIN.

16 anos

Gênero: Drama

Estréia:

página inicial do filme
  • Ficha técnica

    Direção

    • Louis Malle

    Equipe técnica

    Roteiro: Louis Malle

    Fotografia: Ghislain Cloquet

    Estúdio: Nouvelles Éditions de Films

    Elenco

    Alain Mottet, Bernard Noël, Bernard Tiphaine, Hubert Deschamps, Jean-Paul, Jeanne Moreau, Léna Skerla, Maurice Ronet, Mona, Pierre Moncorbier, René Dupuy, Ursula Kubler, Yvonne Clech

  • Crítica

    22/05/2009 11h03

    A típica angústia francesa dos anos 60 está de volta em cópias novas. O Top Cine de São Paulo exibe a partir desta semana o clássico Trinta Anos Esta Noite, um dos trabalhos mais aplaudidos do aclamado Louis Malle.

    Toda a ação está concentrada nos últimos dois dias na vida de Alain (Maurice Ronet), um homem atormentado e sem rumo na vida. Ao deixar um tratamento para desintoxicação alcoólica, Alain recebe a ajuda de Lydia (Léna Skerla), que além de sua amante também é amiga de sua ex-mulher. Porém, tentar superar a angústia de Alain não é tarefa nada fácil. Ele está tomado pela depressão, que piora a cada bar, a cada reflexão. Em uma única noite, Alain vai reviver seus 30 anos (o que justifica o título em português do filme), mas esta experiência será das mais desesperadoras.

    Baseado no livro de Pierre Drieu La Rochelle, o filme é denso, pesado e repleto de dúvidas existenciais, como era moda no cinema francês daquela época. Talvez as platéias mais jovens estranhem o tom pessimista e até derrotista de Trinta Anos Esta Noite, mas a direção segura de Malle e a bela fotografia em preto-e-branco de Ghislain Cloquet merecem ser vistas (ou revistas) na tela grande.

    Certamente é um filme para um público bastante específico, mas que proporciona um belo retrato de um período muito importante da cinematografia européia. Veja sem preconceitos.

    28 de março de 2001
    ____________________________________________
    Celso Sabadin é jornalista especializado em cinema desde 1980. Atualmente é crítico de cinema da Rede Bandeirantes de Rádio e Televisão e do Canal 21. Às sextas-feiras é colunista do Cineclick. [email protected]

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus