Pôster de Vice

VICE

(Backseat)

2018 , 132 MIN.

14 anos

Gênero: Drama

Estréia: 31/01/2019

página inicial do filme
  • Ficha técnica

    Direção

    • Adam McKay

    Equipe técnica

    Roteiro: Adam McKay

    Produção: Adam McKay, Brad Pitt, Dede Gardner, Jason George, Jeremy Kleiner, Kevin J. Messick, Will Ferrell

    Fotografia: Greig Fraser

    Trilha Sonora: Nicholas Britell

    Estúdio: Annapurna Pictures, Gary Sanchez Productions, Plan B Entertainment

    Montador: Hank Corwin

    Distribuidora: Imagem Filmes

    Elenco

    Abigail Marlowe, Adam Bartley, Alison Pill, Amy Adams, Bill Camp, Bill Pullman, Cailee Spaeny, Casey Sander, Christian Bale, Don McManus, Eddie Marsan, Fay Masterson, Justin Kirk, Lily Rabe, LisaGay Hamilton, Sam Rockwell, Shea Whigham, Stefania LaVie Owen, Steve Carell, Tyler Perry

  • Crítica

    30/01/2019 18h02

    Por Thamires Viana

    Um dos favoritos ao Oscar de Melhor Filme em 2019, Vice, novo filme de Adam McKay, chega aos cinemas nesta quinta-feira (31) e reafirma as habilidades do diretor em comandar comédias ácidas e cheias de personalidade.

    Estrelada por Christian Bale e Amy Adams, a produção acompanha a vida de uma figura importante (e pouco conhecida) da política norte-americana: Dick Cheney (Bale), vice-presidente do governo de George W. Bush (2001 a 2009), é um homem ardiloso e convincente que usava jogos políticos para garantir o poder. Foi ele quem articulou, por trás dos holofotes, a Guerra do Iraque após os atentados de 11 de setembro.

    Você pode acreditar que McKay se isentou da parcialidade ao retratar uma peça do governo repúblicano, não é? Mas não se engane! Em uma abordagem geral, o diretor assume um lado e insere na trama dezenas de críticas ao atual presidente dos EUA, Donald Trump. Ele quer que o publico capte suas piadas afiadas, suas indiretas implicitas e entenda que a situação atual do país está se repetindo, já que nos argumentos de McKay, Cheney se aproxima da personalidade extrema de Trump, porém com mais empatia e humanidade. 

    Bale, que ganhou mais de 15kgs para o papel, mostra mais uma vez seu talento de transformação e traz uma performance comprometida ao papel. A dupla Bale/McKay parece gostar de elevar os desafios a cada trabalho, e desconfio até que quando pensa em uma nova história para contar, o diretor logo escala o britânico para enfrentar horas de maquiagem e quilos de enchimento. Não tem como negar a versatilidade do ator e a dedicação com seus personagens. É por essas e outras que mais uma vez o vemos na lista de indicados a Melhor Ator. 

    Ao lado dele, Adams, uma das atrizes mais injustiçadas dessa década, desempenha um belíssimo trabalho como a esposa leal que embarca nas ideias mirabolantes de Cheney, ao mesmo tempo em que assume o papel de mãe dedicada às filhas. Ela brilha em cena e seria ótimo vê-la subir ao palco como vencedora da estatueta de Melhor Atriz Coadjuvante.

    E o que dizer de Sam Rockwell como George W. Bush? Impecável e estritamente dedicada, sua atuação é um show a cada cena executada por ele, e além de diálogos afiados, ele traz trejeitos idênticos ao do ex-presidente. O ator também está indicado à categoria de Coadjuvante.

    Mas é preciso pontuar que, embora garanta diversão, Vice tende a ser um pouco maçante e confuso em alguns momentos. O diretor cria dispositivos para inserir o público de uma forma mais didática aos temas complexos que costuma abordar. Suas técnicas de edição e câmera incluem a quebra da quarta parede, o uso de vinhetas engraçadas, créditos finais subindo no meio do filme... No entanto, mesmo que ajude a criar um clima mais ameno para a trama, alguns desses escapes podem se tornar exagerados e fazer o espectador perder o raciocínio e desviar a atenção para a piada inserida de surpresa na tela.

    Apesar disso, Vice garante bons momentos e reafirma que McKay gosta de inserir o grande público em histórias não muito populares, mas que merecem ser contadas com seu jeito todo peculiar. 

  • SQL Error: Array ( [0] => 42000 [1] => 1064 [2] => You have an error in your SQL syntax; check the manual that corresponds to your MySQL server version for the right syntax to use near 'ORDER BY t.publicado_em' at line 17 )
    SQL STM: SELECT t.id, t.slug, t.titulo, t.descricao, t.publicado_em, t.id_thumb, t.url, thumb.imagem AS imagem_thumb, thumb.id_tamanho AS id_imagem_thumb, t.publicado_em FROM cin_web_cinemateca cin INNER JOIN cin_web_cinemateca_trailers_rel rel ON rel.id_cin = cin.id_cin INNER JOIN cin_web_trailers t ON t.id = rel.id_trailer LEFT JOIN cin_web_imagem_tamanhos thumb ON t.id_thumb = thumb.id_imagem_tamanho WHERE cin.id_cin = ORDER BY t.publicado_em


Deixe seu comentário
comments powered by Disqus