PARA O QUE DER E VIER

PARA O QUE DER E VIER

(You Are Here)

2013 , 114 MIN.

12 anos

Gênero: Comédia

Estréia: 30/04/2015

página inicial do filme
  • Ficha técnica

    Direção

    • Matthew Weiner

    Equipe técnica

    Roteiro: Matthew Weiner

    Produção: Gary Gilbert, Jordan Horowitz, Matthew Weiner, Scott Hornbacher

    Fotografia: Chris Manley

    Trilha Sonora: David Carbonara

    Estúdio: Gilbert Films

    Montador: Christopher Gay

    Distribuidora: Paris Filmes

    Elenco

    Alana De La Garza, Alex Mechanik, Amy Poehler, Antonino Paone, Ashley Bratcher, Audrey Reid Couch, Bonnie Cole, Bridget Gethins, Carlene Cearley, Cassidy Layden, Charles Zhao, Christopher Cozort, Christy Daniel, Corey Newton, Daniel Williard, David Selby, Dennis Layden, Dov Tiefenbach, Ebony Wilson, Elving Almeida, Gabe Tufano, George McPherson, Grade Layden, Grant Christian Couch, Greg Cromer, Helen Abell, J. Stephen Mitchell, Jan Hartsell, Jay Cohen, Jay Gates, Jerry Keys, Joel Gretsch, Jonathan M. Ewart, Jordan Googe, Karenlie Riddering, Kathy Walton Pulley, Kerry Cashion, Laura Ramsey, Lauren Lapkus, Matt Amick, Matt Cornwell, Matt Whitnack, Melissa Rauch, Meredith Jackson, Michael D. Layden, Michael Genevie, Michael Yurchak, Millie Wannamaker, Owen Wilson, Ozzy Ojito, Paul Schulze, Paul Shaplin, Peter Bogdanovich, Phillip DeVona, Rolando Zevallos, Samy Burch, Stephanie Northrup, Steve Earnest, T. Alloy Langenfeld, Tammy Hopkins, Tavia Brightwell, Ted Huckabee, Thomas Nash Tetterton, Toochukwu T. C. Anyachonkeya, Zach Galifianakis

  • Crítica

    28/04/2015 17h00

    Quando se conhece o elenco de um filme, algumas expectativas são criadas. Por isso, ao se ver o cartaz de Para O Que Der e Vier, o público espera uma boa comédia. Contudo, o longa é um drama sobre amizade com toques existenciais que não funciona tão bem quanto o diretor Matthew Weiner, famoso por ter criado o seriado Mad Men, esperava.

    Tudo começa com a morte do pai de Ben (Zach Galifianakis, de Se Beber, Não Case!), o que força seu melhor amigo Steve (Owen Wilson, de Bater Ou Correr) a deixar de lado seu trabalho como apresentador de televisão para ir ao enterro. Em sua cidade natal, o novo órfão descobre que herdou todas as propriedades do finado, o que o coloca em crise.

    Quem não ficou satisfeito com a situação foi Terry (Amy Poehler), a irmã certinha de Ben. Ela esperava assumir os negócios da família e desconfia da pureza do amor da jovem viúva Angela (Laura Ramsey). A madrasta, Ben e Steve começam a conviver na casa do pai até que o herdeiro consiga tomar um rumo em sua vida.

    Para o que Der e Vier traz algumas piadas, principalmente em seu início, mas em quantidade aquém do desejado. O time de atores escalados renderia muito mais em um roteiro mais solto e sem tantas pretensões. O plano era conquistar o espectador com um começo engraçadinho para depois aprofundar-se em temas mais sérios, mas o tiro saiu pela culatra e o desfecho demora a chegar.

    É óbvio que comediantes são bem-vindos em filmes dramáticos e costumam se dar bem na mudança de gênero, mas esse filme carece de carisma. Cine Majestic (2001) e O Show De Truman - O Show Da Vida (1998), apenas para tomar Jim Carrey como exemplo, têm uma boa dose de comédia ou leveza no texto. Para o que Der e Vier não segue essa fórmula.

    Matthew Weiner leva para a tela grande a exploração psicológica dos personagens, tal qual executa na série. A duração menos de um roteiro de cinema não dá espaço suficiente para Weiner demonstrar seu talento narrativo.

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus