10 livros que viraram filmes em Hollywood

Será que a máxima "o livro é melhor" vale para toda adaptação literária?

23/02/2017 09h10

Ler estimula nossa imaginação, nos permitindo viver mil vidas. Você cria mentalmente personagens e cenários descritos nas páginas e acaba por ter sua própria versão daquele rico universo. Isso coloca os livros um degrau acima do cinema, já que fãs de uma obra literária podem não aceitar um ator escalado ou não entender que para telona é preciso algumas adaptações.

Por nossa sorte, a leitura além de ser prazerosa é acessível. Por exemplo, na internet encontramos sites especializados em trocas de livros, redes sociais sobre literatura com ofertas e se você preferir livros novinhos é possível comprá-los com promoção ou cupom de desconto Casas Bahia no Picodi.com. Descontos mudam semanalmente, se você não encontrar cupom nas Casas Bahia verifique Saraiva ou Livraria da Folha.

Que tal ter a oportunidade de ler essas obras para poder julgar qual versão é melhor? Confira algumas adaptações que você precisa conhecer também a versão literária:

O Iluminado

O Iluminado


Frequentemente apontada como a melhor adaptação de Stephen King para as telas, O Iluminado pode ser a mais icônica exceção à regra que diz que o livro é sempre melhor que o filme, afinal, os fãs do escritor geralmente consideram O Iluminado como uma das obras mais fracas de King, mas Kubrick conseguiu um ótimo resultado final. Mesmo assim, conhecer ambos ajuda a criar uma versão ainda mais interessante dos acontecimentos do assombrado hotel Overlook.
 

Olga

Olga


Olga é um filme baseado na história real de Olga Benario, uma comunista alemã naturalizada brasileira, esposa de Luís Carlos Prestes. Na época da ditadura Vargas (de 1930 a 1945), ela foi presa e enviada à Alemanha tomada pelo nazismo, onde morreu em um campo de concentração. Fernando Morais é o autor do livro que narrou a história de Olga em uma obra tocante.
 

O Código Da Vinci 

O Código Da Vinci


O Código da Vinci talvez seja um dos livros mais discutidos do século XXI. A trama do filme acompanha o pesquisador Robert Langdon em uma viagem para Paris a fim de promover o lançamento de seu novo livro. Especialista em simbolismo, ele é convocado pela polícia local para ajudar numa investigação quando o curador do Museu do Louvre é assassinado. E as pistas para a resolução do crime parecem estar escondidas em obras de Leonardo Da Vinci. Com a ajuda da criptografa francesa Sophie Neveu, descobre que o curador estava envolvido em uma misteriosa sociedade secreta. Os dois percorrem a Europa em busca da solução para esse caso. As sequências também são adaptações dos outros livros de Dan Brown.
 

Senhor dos Anéis

O Senhor dos Anéis


Na Terra-Média, Frodo Bolseiro, um hobbit (uma espécie de criatura mítica, de estatura entre 80 cm e 1,20 m, com pés peludos e bochechas avermelhadas) descobre que o anel mágico que ganhou de seu tio pode ser usado por um mago do mal para escravizar os povos livres do mundo. Com a ajuda de magos, anões, elfos e outras criaturas que se unem a ele e formam a Sociedade Do Anel, mas Frodo terá de enfrentar uma longa jornada para destruir o anel na Montanha da Perdição. A série de livros escrita por J.R.R. Tolkien é considerada uma das mais importantes do século XX. Bônus: é muito fácil encontrar boxes com todos os livros em promoção!
 

James Bond

James Bond


Pouca gente sabe, mas grande parte dos filmes do agente 007 foram baseados nos livros escritos por Ian Fleming. Entre os mais marcantes estão 007 Contra Goldfinger, que definitivamente transformou o espião em um fenômeno mundial. 007 Cassino Royale, que marcou a estreia de Daniel Craig como James Bond no cinema e trouxe uma nova versão do personagem, foi também o primeiro livro do agente britânico.


Cinquenta Tons De Cinza

Cinquenta Tons de Cinza


Tudo bem que o primeiro filme foi criticado por muitos fãs, principalmente por deixar passagens picantes de Anastasia e Christian Grey de fora. No entanto o filme foi bem nas bilheterias, assim como a sequência que está em exibição atualmente. O que mostra que o alvoroço e a expectativa para a chegada da história de E.L. James ao cinema foram justificados.
 

Jogos Vorazes 

Jogos Vorazes


Escrito por Suzanne Collins, a franquia se tornou uma referência para o público jovem, principalmente por saber contar de maneira grandiosa e dramática a saga de Katniss. O último livro foi dividido em dois filmes, o que gerou descontentamento em muitos fãs.


Harry Potter

Harry potter


Quando J.K. Rowling escreveu a primeira página de Harry Potter E A Pedra Filosofal, com certeza, não imaginou que o bruxinho fosse se tornar uma das principais figuras da cultura pop mundial. O fato é que a adaptação do primeiro livro do personagem para o cinema, em 2001, foi só começo. Além de ter se tornado um dos maiores sucessos do cinema, a saga de Potter, Rony e Hermione acumulou milhares de fãs ao longo dos anos e até ganhou parque temático exclusivo nos Estados Unidos.


Crepúsculo 

Crepúsculo


Outra saga adolescente que também levou muita gente para o cinema. Assim como Harry Potter e Jogos Vorazes, Amanhecer, livro que conclui a história de Edward e Bella, foi dividido em duas partes no cinema. Tudo para não faltar nada da trama original escrita por Stephenie Meyer e, claro, agradar aos fãs.


Clube Da Luta 

Clube da Luta


Essa é certamente uma adaptação que deu muito certo no cinema de ganhou status de Cult muito além das páginas do livro. Prova disso é que o diretor David Fincher leva a audiência para dentro do corpo do narrador Jack (Edward Norton), apresentando o limite da sanidade para o espectador. O livro original foi escrito em 1996 por Chuck Palahniuk e é um clássico também da literatura.

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus