Bilheteria EUA: Amigos Para Sempre lidera e desbanca Aquaman

Versão americana de Intocáveis somou US$19,5 milhões em sua estreia

14/01/2019 13h04

Por Thamires Viana

Em sua primeira semana em cartaz, Amigos Para Sempre dominou as bilheterias americanas. Somando US$ 19,5 milhões, a versão americana de Intocáveis assumiu o primeiro lugar tirando Aquaman do topo. A trama acompanha Phillip (Bryan Cranston) um homem rico que fica tetraplégico após um grave acidente. Na seleção para um novo enfermeiro, ele conhece Dell (Kevin Hart), um jovem sem nenhuma habilidade para a função que muda completamente a sua vida. 

Caindo uma posição, Aquaman, filme de super-herói da DC dirigido por James Wan e protagonizado por Jason Momoa, ainda permanece fazendo bons números nas bilheterias. Somando US$ 17,2 milhões, a trama mostra a história do herói e os conflitos para assumir o trono de Atlantis. Mundialmente a produção já bateu a marca de US$ 1 bilhão.

+ Confira a crítica de Aquaman
+ Conheça os personagens de Aquaman

Outra estreia da semana foi A Caminho De Casa, trama que acompanha Bella, uma cachorrinha determinada que, após ser resgatada, embarca em uma aventura para retornar ao seu dono. Assumindo o terceiro lugar, o filme somou US$ 11,3 milhões e aqui no Brasil, a estreia está marcada para o dia 28 de fevereiro.

O quarto lugar da lista está com a premiada animação Homem-aranha No Aranhaverso, que acompanha a história de Miles Morales, um jovem negro do Brooklyn que pretende salvar o mundo ao se inspirar no legado do Homem-Aranha. O filme somou US$ 9 milhões.

Crítica: Miles Morales é o Homem-Aranha que precisamos em 2019

Confira o ranking completo de acordo com o Box Office Mojo:

1 - Amigos Para Sempre - US$ 19,5 milhões
2 - Aquaman - US$ 17,2 milhões
3 - A Caminho De Casa - US$ 11,3 milhões
4 - Homem-aranha No Aranhaverso - US$ 9,0 milhões
5 - Escape Room - US$ 8,9 milhões
6 - O Retorno De Mary Poppins - US$ 7,2 milhões
7 - Bumblebee - US$ 6,7 milhões
8 - Suprema - US$ 6,2 milhões
9 - A Mula - US$ 5,5 milhões
10 - Vice - US$ 3,2 milhões

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus