Bruce Lee: Nova causa da morte é revelada em biografia

O ator morreu em 20 de julho de 1973

29/06/2018 11h56

Por Thamires Viana

Quase 45 anos após a morte da lenda Bruce Lee, o jornalista americano Matthew Polly publicou uma biografia intensiva intitulada "Bruce Lee: A Life" que afirma que o ator pode ter morrido de insolação. (via FoxNews)

Polly entrevistou mais de 100 pessoas associadas a Lee, incluindo amigos, familiares, colegas, e sua viúva Linda Lee Cadwell, além da sua filha Shannon Lee.

Enquanto a causa oficial da morte de Lee foi listada em seu relatório de autópsia como edema cerebral possivelmente causado por uma sensibilidade devido a um analgésico chamado Equagesic, Polly suspeita que foi uma insolação que matou o ídolo do kung fu.

"A chave para entender a morte de Bruce Lee é que ele desmaiou 10 semanas antes e quase morreu da mesma coisa", explicou Polly à Fox News sobre sua teoria.

Mistério: Confira algumas das mortes mais suspeitas de Hollywood

"Em 10 de maio de 1973, ele entrou em uma pequena sala de dublagem em um dos dias mais quentes do mês. Eles desligaram o ar condicionado para evitar estragar a trilha sonora. Ele imediatamente superaqueceu e ficou tonto"."Ele saiu do quarto e ainda desmoronou no chão. Ele se levantou e quando entrou na sala aquecida, ele desmoronou novamente e começou a convulsionar violentamente. Eles o levaram para o hospital e os médicos suspeitaram que seu cérebro estava inchando... E assim o primeiro colapso parecia exatamente um caso de insolação", concluiu.

A viúva disse ao Los Angeles Times em 1998 que a morte de Lee foi causada por um inchaço cerebral devido à hipersensibilidade causada por um ingrediente encontrado no medicamento. No entanto, Polly insistiu que os momentos finais de Lee durante uma onda de calor em Hong Kong imitavam mais os sintomas que ele experimentou antes.

Bruce Lee morreu em 20 de julho de 1973 aos 32 anos. Entre seus filmes de sucesso estão Operação Dragão e A Fúria Do Dragão.

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus