Cannes: Filme brasileiro Aquarius disputará Palma de Ouro

Festival acontece entre 11 e 22 de maio

14/04/2016 14h10

Aquarius, filme protagonizado por Sonia Braga, marca o retorno do Brasil à mostra de Cannes. O filme tem roteiro de Kleber Mendonça, responsável por O Som Ao Redor, que chegou a ser escolhido para representar o Brasil na categoria de filmes estrangeiros no Oscar 2014, mas acabou não disputando o prêmio.

Na trama, Sonia interpreta Clara, uma viúva que vive cercada de livros e discos e tem o dom de viajar no tempo. A atriz contou, em uma nota oficial de 2015, que se identificou rapidamente com a personagem. Segundo ela, a mulher do filme tinha os mesmos sonhos que os seus. 

O Festival também contará com outra produção brasileira na categoria de curtas. A moça que dançou com o Diabo tem 14 minutos de duração e foi dirigido por João Paulo Miranda Maria. Ele é baseado em uma lenda urbana da região de São Carlos, São Paulo. A história fala sobre uma garota de família religiosa que, na noite da Sexta-Feira da Paixão, dança com um forasteiro sem saber que era o próprio demônio.

O 69ª Festival de Cannes acontece entre os dias 11 e 22 de maio e tem como presidente do júri o cineasta e roteirista George Miller, diretor de Mad Max: Estrada Da Fúria.

Veja, abaixo, a seleção do Festival de Cannes 2016:

Sessão de abertura (fora de competição)
Café Society, de Woody Allen

Mostra competitiva

Toni Erdmann (Alemanha)
Julieta (Espanha)
American Honey (Reino Unido)
Personal shopper (França)
La fille inconnue (Bélgica)
Juste la fin du monde (Canadá)
Ma Loute (França)
Mal de Pierres (França)
Rester vertical (França)
Paterson (Estados Unidos)
Aquarius (Brasil)
I, Daniel Blake (Reino Unido)
Ma'Rosa (Filipinas)
Bacalaureat (Romênia)
Loving (Estados Unidos)
Agassi (Coreia do Sul)
The last face (Estados Unidos)
Sieranevada (Romênia)
Elle (Holanda)
The neon demon (Dinamarca)

Mostra Um certo olhar (Un certain regard)

Varoonegi (Irã)
Apprentice (Singapura)
Voir du pays (França)
La danseu se (França)
Eshtebak (Egito)
Funchi ni Tatsu (Japão)
Omo Shaksh Sya (Israel)
M'ever Laharim Vehagvaot (Israel)
After the storm (Japão)
Hymyilevä Mies (Finlândia)
La larga noche de Francisco Sanctis (Argentina)
Caini (Romênia)
Pericle il Nero (Itália)
The transfiguration (Estados Unidos)
Uchenik (Rússia)

Sessões fora de competição

The nice guys (Estados Unidos)
Money monster (Estados Unidos)
Gok Sung (Coreia do Sul)
Disney's the BFG (Estados Unidos)

Sessões da meia-noite

Gimme danger (Estados Unidos)
Bu-San-Haeng (Coreia do Sul)

Sessões especiais

L'ultima spiaggia (Itália/Grécia)
Hissein Habré, Une tragédie tchadienne (Chade)
Exil (Camboja)
La mort de Louis XIV (Espanha)
Le cancre" (França)

Competição de curtas-metragens

La Laine sur le dos (Tunísia/França)
Dreamlands (Reino Unido)
Timecode (Espanha)
Imago (Filipinas)
Madre (Colômbia/Suécia)
A moça que dançou com o diabo (Brasil)
Après Suzanne (França)
4:15 P.M. Sparsitul Lumii (Romênia)
Il silenzo (Itália)
Fight on a swedish beach (Suécia)

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus