Carlos Carvalho, cineasta sul-africano, morre atacado por uma girafa

Um representante do safári disse que Carlos ignorou as instruções de segurança

07/05/2018 16h00

Por Thamires Viana

O cineasta Carlos Carvalho faleceu aos 47 anos de idade após ser atacado por uma girafa enquanto estava no set de filmagens em um alojamento de safári na África do Sul. (via The Independent)

O diretor estava capturando alguns closes do animal, quando de repente foi atingido pela girafa e arremessado pelo ar. Após o acidente, Carvalho foi levado para um hospital em Joanesburgo e morreu devido a ferimentos graves.

Ele estava filmando cenas na fazenda Glen Afric em Broederstroom, que é famosa por participar da série de TV britânica Wild at Heart.

Richard Brooker, cuja família é proprietária do local, disse que a girafa não seria abatida, já que não é considerada perigosa. "Quando Carlos estava na frente dela, ela abriu as pernas, inclinou o pescoço e virou a cabeça para Carlos", disse ele. Um porta-voz da Glen Afric também sugeriu que Carvalho "partiu por conta própria" e ignorou as instruções de segurança para não abordar os animais.

Carvalho ganhou um Leão de Prata no Festival de Cannes em 2003 e fez parte das produções da franquia Piratas do Caribe, Star Wars: O Despertar Da Força e Kingsman: O Círculo Dourado

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus