CCXP19: Atores de La Casa de Papel se emocionam com o público

Painel da Netflix ainda tem The Witcher e Esquadrão 6

08/12/2019 15h34

Por Diego Canha

Muito conteúdo exclusivos, protagonistas de séries de sucesso e um público enlouquecido! Essa foi a fórmula de sucesso do painel da Netflix neste domingo no Auditório Cinemark XD. Tudo começou com a chegada surpresa de Henry Cavill ao lado da roteirista de The Witcher, Lauren Schmidt Hissrich. Foram alguns minutos de gritos descontrolado para o ator até que a entrevista pudesse começar.

O Superman garantiu que já era fã dos games, mas que após se envolver no projeto leu todos os livros: "Ele não é um personagem simples. Tem alma e interior bondosos, mas criou uma casca grossa. Ele é um Cavaleiro Branco que é tratado como vilão não importa onde chegue".

Laurie falou que seu foco é em humanos e quer que os fãs consigam se ver nos personagens apesar de ter magia, batalhas, monstros e sangue por toda parte: "É preciso entender que fantasia não é só para homens", concluiu. Cavill aproveitou a deixa para elogiar a roteirista e as atrizes Anya Chalotra e Freya Allan: "Elas mandam muito bem e o texto é ótimo". O painel ainda mostrou quatro cenas inéditas da série que estreia 20 de dezembro de 2019.

A segunda atração da plataforma foi a mais emocionante: La Casa de Papel. Alba Flores (a Nairobi), Pedro Alonso (o Berlin), Esther Acebo (a Estocolmo), Rodrigo De La Serna (o Palermo) e Darko Peric (Helsinki) não seguraram a emoção ao serem recebidos de pés e com muitos gritos. Esther ficou com os olhos marejados na hora da sua primeira pergunta, enquanto Pedro aproveitou para agradecer e garantir que isso é o maior combustível para que eles se esforcem cada vez mais.

Palermo falou um sobre o momento em que os personagens estão vivendo ao final da terceira temporada: "Agora a primeira coisa é sobreviver. Como disse o Professor: isso não é mais um golpe, é uma guerra". Mas ainda havia uma surpresa para os fãs no painel, uma cena exclusiva que você pode ver a descrição abaixo:

O Professor está fugindo pela floresta enquanto a polícia espanhola atira para o alto das árvores. Ele está completamente desnorteado após a "morte" de Lisboa e ao pular um muro dá de frente com um touro. O líder do grupo consegue correr, entrar em uma caixa e fica escondido ali.

Alba prometeu surpresas não tão boas para quem é fã de Nairobi: "Os roteiristas estão prontos para quebrar as expectativas dos fãs na parte 4. Acho que a terceira foi muito de encontro com o que eles queriam". E ao som de Bella Ciao com diversos sequestradores espalhados pelo auditório, o elenco se despediu.

E mantendo o tom de espetáculo para o fã que a Netflix realmente mostrou ser a melhor no assunto até o momento no evento, Esquadrão 6 entrou com muita pirotecnia e fumaça. Ryan Reynolds, Adria Arjona, Mélanie Laurent, Corey Hawkins e Manuel Garcia-rulfo.

Manuel deixou claro como é diferente trabalhar com Michael Bay: "O jeito que ele grava é único, exige muito fisicamente, mas faz com que todos se divirtam". Adria aproveitou para salientar como foi legal gravar cenas de ação as ruas pequenas de Verona, que serviu de locação para parte do longa. Irônico na maior parte do tempo, Reynolds falou que todos deviam dirigir um Alfa Romeo em Verona antes de morrer e ao descrever o grupo do filme encerrou com "eu tenho que falar, nos fizemos o Snyder Cut", levando os nerds ao delírio.

Melanie aproveitou um momento para falar sério e elogiar a estrela do longa: "O Ryan protegeu a gente. Existem momentos em que não podemos falar nada, mas ele vinha e se posicionava para nos defender".


Deixe seu comentário
comments powered by Disqus