Dramaturgo quer processar Warner por plágio e pede US$ 20 milhões de indenização

Filme tem semelhanças com peça de teatro, segundo acusação

12/04/2016 13h08

Um dramaturgo está disposto a lutar na justiça contra a Warner. Segundo o TMZ, JD Lawrence entrou com um processo para impedir que Um Salão do Barulho 3 estreie nos cinemas. Ele ainda pede uma indenização de US$ 20 milhões.

Os motivos que levaram o dramaturgo a abrir um processo são as semelhanças que os outros três filmes da franquia têm com a sua peça Tesoura, que ficou em cartaz nos EUA entre os anos de 1998 e 2001. A trama, personagens e o set, segundo as acusações, são muito parecidas com a obra teatral.

A franquia começou em 2002 com Uma Turma do Barulho, seguido de Barbeiragem Total, 2004, e Um Salão Do Barulho, 2005.


Deixe seu comentário
comments powered by Disqus