Famoso produtor de Hollywood é demitido após acusações de assédio sexual

Harvey Weinstein coagia jovens atrizes a fazerem favores sexuais em troca de trabalho

09/10/2017 13h35

Por Iara Vasconcelos

O produtor Harvey Weinstein foi demitido do estúdio Weinstein Company após acusações de assédio sexual surgirem contra ele.

O escândalo explodiu na semana passada quando o jornal The New York Times fez uma matéria com relatos de diversas jovens mulheres que disseram ter sido coagidas a se relacionar sexualmente com Weinstein em troca de papéis em filmes.

As atrizes Ashley Judd e Rose Mcgowan estão entre as vítimas do produtor e revelaram que foram obrigadas a vê-lo nu, além de terem recebido propostas envolvendo favores sexuais.

Em declaração oficial, a diretoria da Weinstein Company se pronunciou sobre o ocorrido: "À luz de novas informações sobre a má conduta de Harvey Weinstein que surgiram nos últimos dias, os diretores de The Weinstein Company - Robert Weinstein, Lance Maerov, Richard Koenigsberg e Tarak Ben Ammar - determinaram e informaram Harvey de que seu emprego na companhia foi revogado".

Dentre os trabalhos mais famosos e elogiados de Weinstein estão Shakespeare Apaixonado, Gangues De Nova York, Pulp Fiction - Tempo De Violência e O Paciente Inglês.

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus