James Gunn: Fontes dizem que recontratação de diretor é cogitada pela Disney

O diretor foi demitido no último dia 20 de julho

31/07/2018 11h15

Por Thamires Viana

De acordo com a Variety, a Disney pode estar reconsiderando a recontratação de James Gunn, diretor que foi demitido da produção de  Guardiões Da Galáxia Vol. 3 após dezenas de tweets ofensivos onde fazia piadas com estupro e pedofilia.

Fontes disseram ao site que tem havido um sentimento crescente de que Gunn possa ser reintegrado, especialmente porque a Marvel e a Disney têm sido incomumente silenciosas em relação a quem poderia substituí-lo a produção do longa.

Guardiões da Galáxia: Elenco publica carta e declara apoio a James Gunn

A produção do Vol.3 está programada para começar no início de 2019, e após a demissão do diretor, pensou-se que o estúdio precisaria rapidamente encontrar alguém para substituí-lo.

+ James Gunn se desculpa por tweets onde brinca com estupro e pedofilia

Com o presidente da Walt Disney, Bob Iger, de férias atualmente, os especialistas acreditam que uma decisão não seria tomada até que ele voltasse ao trabalho. 

Relembre o caso:

Gunn se tornou alvo de muitas críticas quando suas publicações antigas voltaram à tona. "Eu gosto quando menininhos me tocam no meu lugar esquisito", tuitou o diretor em um dos posts apagados.

A sequência de mensagens ofensivas foi divulgada nesta quinta (19) por um usuário do twitter. Os posts mostram o diretor fazendo piadas com pessoas portadoras de HIV, estupro, pedofília. Ele chegou a brincar sobre estuprar uma amiga enquanto ela dormia. Confira:

Tweets - James Gunn 

1 - "Rir é o melhor remedio. é por isso que eu rio de pessoas com AIDS"

2 - "Acabei de fazer uma piada sobre sodomizar a minha amiga quando ela estava dormindo"

3 - "Eu queria caçar animais de grande porte, mas sei que isso é moralmente questionável. Então estou indo atrás de caçar alguém para estuprar" 

Em outros prints divulgados pelo usuário Jack Posobiec, ele brinca com o NAMBLA, que é uma organização americana que defende a ideia de que crianças podem manter relações sexuais com adultos. "Eu me lembro da minha primeira reunião do NAMBLA. Foi a primeira vez que me senti bem sendo quem eu sou", diz ele.

Guardiões da Galáxia: "Fui feito em laboratório", diz James Gunn em entrevista

Em seu perfil pessoal, o diretor comenta que as piadas eram apenas brincadeira e que ele gostava de provocar com tabus. "Muitas pessoas que acompanharam minha carreira sabem quando eu comecei, me via como provocador, fazendo filmes e contando piadas ultrajantes e falando de tabus", escreveu ele em uma série de tweets.

Entenda as cenas pós-créditos de Guardiões da Galáxia Vol.2

"Como tenho discutido publicamente muitas vezes, como desenvolvi como pessoa, também tenho meu trabalho e meu humor. No passado, pedi desculpas por minhas piadas ferirem as pessoas. Eu realmente senti pena e quis dizer cada palavra de minhas desculpas", disse Gunn

Guardiões da Galáxia Vol.3, agora sem diretor definido, chega aos cinemas em 2020. Isso se a Marvel não mudar a data de lançamento.

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus