Kingsman: Saiba como a franquia de espiões vai se reinventar

O próximo filme da saga será um prequel e estreará em setembro

24/06/2020 16h20

Por Alexandre Dias

Em 2015, Kingsman - Serviço Secreto chegou para dar um frescor ao subgênero dos espiões nos cinemas. A adaptação dos quadrinhos de Mark Millar e Dave Gibbons arrecadou mais de US$ 414 milhões ao redor do mundo e caiu no gosto do públlico como uma das novas franquias de ação em potencial dos últimos anos. 

As cenas de combate insanas, a mitologia da agência do título e os personagens caricatos foram bem-sucedidos nas mãos do diretor Matthew Vaughn, que também comandou a sequência, Kingsman: O Círculo Dourado. Esta, por sua vez, não causou o mesmo barulho que o longa original, muito pela falta de novidades. 

Esse não parece ser o caso do próximo filme da saga, King's Man - A Origem. O material divulgado do prequel dá a impressão de que é o melhor do que já foi feito com a franquia sob uma nova abordagem. Saiba mais sobre como o filme vai reinventar a agência de espiões britânica nas telonas: 

Época

O longa se passará durante a Primeira Guerra Mundial. Só a ideia de ter a presença da agência durante esse período cria uma imensidão de possibilidades, especialmente se agregarmos o fato de que a instituição britânica estará no seu início; a apresentação dela, mais do que para o espectador, também será para aquele universo no geral. 

Cena de King's Man: A Origem

Em Kingsman - Serviço Secreto, Harry (Colin Firth) revelou a Eggsy (Taron Egerton) alguns grandes eventos reais do mundo em que esteve presente secretamente. O prequel comprova isso com outras situações e estabelece uma diferença de anos até a linha do tempo principal da saga. Dessa forma, caso o filme seja bem-sucedido, é praticamente uma certeza que haverá uma continuação, porém é impossível descobrir por onde ela deva começar. A Guerra Fria? A Guerra do Vietnã? Não há limites para Kingsman. 

Tecnologia vintage

Todo bom filme de espião conta com os clássicos gadgets, que nada mais são do que os equipamentos utilizados pelos agentes. Na franquia Kingsman, esses são simplesmente espetaculares devido a sua inventividade divertida. 

King's Man - A Origem, sem dúvida, fará jus ao elevado nível dos gadgets da franquia e de uma maneira inédita, afinal, a época trará um certo tom vintage para os aparelhos. O principal exemplo exibido nos trailers são as lâminas multifuncionais, tanto nas mãos dos vilões como dos heróis. 

A introdução desses equipamentos também não será gratuita, mas sim parte importante do roteiro para a movimentação da história. Esse é o caso do paraquedas, que pelo período, é descoberto com entusiasmo nas prévias divulgadas pelos espiões; ou seja, é uma tecnologia para os agentes, mas também para todos os humanos, logo o espectador fica com essa mesma sensação de empolgação. 

Personagens e trama

Assim como Kingsman - Serviço Secreto, um jovem também conhecerá e começará o seu serviço na agência de espiões. É como se fosse um reboot, sem haver propriamente um. A decisão dos realizadores não poderia ser melhor, pois se aproveita da mitologia desse universo, sem amarras e com vertentes novas. 

E da mesma maneira que Elton John representou a vida real em Kingsman: O Círculo Dourado, o prequel contará com um personagem inspirado em uma pessoa que existiu: Rasputin. O místico russo será interpretado por Rhys Ifans, o Lagarto de O Espetacular Homem-aranha

Cena de King's Man: A Origem

Ele deve ser um dos principais vilões da trama, que trará a reunião de diversos tiranos para armar um plano de alavancar e lucrar com uma guerra. 

Elenco 

Além de Ifans, outros nomes muito conhecidos estão no elenco, outro sinal de que o investimento nesse projeto é muito maior do que o de um simples derivado. A começar por um dos protagonistas, que é um dos melhores atores britânicos da sua geração: Ralph Fiennes. O intérprete de Voldemort na saga Harry Potter será o Duque de Oxford, um dos mentores de Conrad (Harris Dickinson). 

Os dois devem ter uma relação parecida com a de Eggsy e Harry nos primeiros filmes, mas serão acompanhados de uma equipe de peso de agentes. Os exemplos mais aparentes nos trailers são Gemma Arterton (a Maria de João E Maria: Caçadores De Bruxas) e Djimon Hounsou (o Korath de Guardiões Da Galáxia). 

Outros nomes fortes no elenco são Daniel Brühl e Aaron Taylor-Johnson. Ambos estiveram presentes em longas da Marvel; o primeiro é o Barão Zemo de Capitão América: Guerra Civil, enquanto o segundo interpretou o Mercúrio em Vingadores: Era De Ultron

Data de estreia 

Em entrevista ao Digital Spy, Vaughn já declarou que a terceira produção da linha do tempo principal acontecerá e será um encerramento do arco de Eggsy e Harry, mas antes disso o prequel, também comandado por ele, promete renovar a marca nos cinemas, especialmente por ter sido encomendado antes do fim da trilogia.

A estreia de King's Man - A Origem está programada para acontecer em setembro desse ano. O resultado de crítica e público desse longa, com certeza, será um dos sinais para os planos futuros da franquia, mesmo que eles ocorram no passado. 

Veja o último trailer lançado de King's Man - A Origem

 

Nesta matéria você leu sobre: King's Man - A Origem, Kingsman - Serviço Secreto, Kingsman: O Círculo Dourado, O Espetacular Homem-aranha, João E Maria: Caçadores De Bruxas, Guardiões Da Galáxia, Capitão América: Guerra Civil, Vingadores: Era De Ultron.

Veja também: 

Tenet: Ideias do novo filme de Nolan que explodirão sua cabeça

Conheça os personagens de Mulan, live-action da Disney

Os filmes de terror mais aguardados de 2020


Deixe seu comentário
comments powered by Disqus