Lars Von Trier: Novo filme do diretor causa repulsa e público abandona sala em Cannes

A Casa que Jack Construiu traz cenas fortes de violência envolvendo mulheres e crianças

15/05/2018 10h29

Por Thamires Viana

A Casa que Jack Construiu, novo filme de Lars Von Trier (Ninfomaníaca e Melancolia), causou espanto em algumas pessoas que viam a sessão durante o Festival de Cannes na noite de ontem (14). O destemido e controverso diretor apresentou um longa que não se acanha em mostrar cenas fortes de violência envolvendo mulheres e crianças. 

No Twitter, muitos se manifestaram sobre o filme e reclamavam dos excessos que o longa traz para perturbar, e muitos relataram que dezenas de pessoas estavam saindo da sala de projeção.

Confira:

O filme, que chega aos cinemas no dia 29 de novembro, traz o ator Matt Dillon (Garotas Selvagens) como um serial killer que projeta uma casa dos sonhos enquanto relembra seus assassinatos praticados de forma brutal. O longa também traz Uma Thurman (Kill Bill) no elenco.

Foi esse o retorno de Von Trier ao festival francês. O diretor foi banido em 2011 após fazer piadas com teor nazista para a imprensa local. Além dessa, o diretor já se envolveu em diversas polêmicas ao longo da carreira, incluindo assédio sexual contra a cantora Björk durante as gravações de Dançando No Escuro

Confira o trailer de A Casa que Jack Construiu:

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus