Mad Max: George Miller quer explorar história de Furiosa

Diretor quer contar origens da personagem

07/01/2016 18h37

Por Iara Vasconcelos

A presença de Charlize Theron (Branca De Neve E O Caçador) na sequência Mad Max: Estrada Da Fúria  - chamada The Wasteland - pode ser incerta, mas mesmo assim o diretor George Miller quer continuar explorando a história da personagem.

Durante entrevista à EW, o cineasta deu a entender que tem planos para sua Imperatriz Furiosa: "Ela é uma personagem bastante convincente e seria ótimo conhece-la a fundo. Nesse filme, apenas apresentamos a personagem, porque é um filme acelerado, onde não há espaço para diálogo. Mas existe uma história, um motivo por ela estar passando por tudo aquilo".

+ Mad Max: Relembre os momentos mais marcantes da franquia

Miller disse que há dois roteiros para o próximo longa: "O filme foi aprovado umas três vezes em uma década. Iríamos filmar com o Mel Gibson em 2001, mas o 11 de setembro aconteceu, o dólar americano desvalorizou em 30% por cento em relação ao dólar australiano, então perdemos a maioria do orçamento durante a noite. Então fomos para a Austrália e choveu no deserto depois de 15 anos, então chegamos no sul da África. Durante esse tempo, nos aprofundando na história, não somente dos personagens, mas de cada veículo. Como os volantes tornaram-se objetos religiosos e coisas assim. Nisso, terminamos com dois roteiros, sem realmente tentar. Estamos conversando com a Warner sobre isso agora, mas não sabemos qual das duas versões vai acontecer", revelou ele.

Já Mad Max: Estrada Da Fúria deve ser relançado em versão preto e branco nos cinemas. A ideia da Warner Bros. é relançar o filme nos cinemas pensando nas várias indicações ao Oscar 2016 que o longa pode conquistar.

Confira uma prévia livre de como seria a trama em preto e branco:

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus