Marighella, dirigido por Wagner Moura, tem estreia cancelada

A O2 Filmes não conseguiu cumprir a tempo todos os trâmites exigidos pela Ancine

12/09/2019 16h55

Por Thamires Viana

Na tarde desta quinta-feira (12), os produtores do longa-metragem Marighella, dirigido por Wagner Moura, anunciaram que a data de lançamento do filme nos cinemas brasileiros, divulgada anteriormente para 20 de novembro de 2019, foi oficialmente cancelada.

Segundo o comunicado oficial, os produtores haviam escolhido o mês de novembro, que marca os 50 anos de morte de Carlos Marighella, e o dia 20, da Consciência Negra, para a estreia. No entanto, a O2 Filmes não conseguiu cumprir a tempo todos os trâmites exigidos pela Ancine (Agência Nacional do Cinema).

O longa vem sendo apresentado com sucesso em vários festivais de cinema no mundo, e o comunicado reforça o objetivo principal da equipe de fazer a estreia no Brasil. Os produtores e a distribuidora Paris Filmes afirmam que continuarão trabalhando para que Marighella chegue aos cinemas brasileiros. 

A produção conta a história dos últimos anos de Carlos Marighella, guerrilheiro que liderou um dos maiores movimentos de resistência contra a ditadura militar no Brasil, na década de 1960. Comandando um grupo de jovens guerrilheiros, Marighella tenta divulgar sua luta contra a ditadura para o povo brasileiro, mas a censura descredita a revolução. Seu principal opositor é Lucio, policial que o rotula de inimigo público nº 1. Quando o cerco se fecha, o próprio Marighella é emboscado e morto - mas seus ideais sobrevivem nas ações dos jovens guerrilheiros, que persistem na revolução.

Marighella traz no elenco nomes como Seu Jorge, Adriana Esteves, Humberto Carrão e Bruno Gagliasso.

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus