Michael Caine explica o final de A Origem e acaba com o mistério

Ator contou o que Christopher Nolan lhe disse na época da produção

18/08/2018 09h30

Em 2010, o público saiu dos cinemas atônito tentando entender o final do filme A Origem, quando o personagem de Leonardo Dicaprio deixa um peão girando sobre a mesa para descobrir se o que ele está vivendo é sonho ou realidade (spoiler: o filme acaba antes de sabermos se o peão vai parar ou não). Desde então, o diretor Christopher Nolan tem evitado dar respostas conclusivas sobre o mistério, preferindo que os espectadores tirem suas próprias conclusões.

Porém, durante uma exibição especial do filme, o ator Michael Caine subiu ao palco para conversar com os fãs e decidiu compartilhar a explicação que o diretor lhe dera na época. Ao ler o roteiro, Caine contou que ficou confuso sobre quais cenas eram parte de um sonho e quais eram realidade, então, perguntou a Nolan (que também era o roteirista). A resposta pode acabar de vez com o mistério (ou complicar ainda mais a vida dos fãs). Confira:

"Quando eu recebi o roteiro de A Origem, fiquei um pouco confuso e perguntei a ele... 'Quando é sonho e quando é realidade?'. Então Nolan disse: 'Bem, quando você está em cena é realidade'. Então pense nisso: se eu estou aparecendo, é realidade. Se não, é um sonho."

"When I got the script of Inception, I was a bit puzzled by it and I said to him... 'when is it the dream and when is it reality?'" said Caine. "[Nolan] said, 'Well when you're in the scene it's reality.' So get that: if I'm in it, it's reality. If I'm not in it, it's a dream."

E aí? Será que a explicação convence?

A Origem

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus