Notícias

As últimas novidades sobre o mundo do cinema e entretenimento. Destaques do cinema nacional e internacional.

Moacyr Franco prestigia primeira edição nacional do Giffoni Film Festival e encanta jovens

Artista de 75 anos respondeu perguntas de jovens de várias partes do mundo
29/01/2013 07h00
por Roberto Guerra
Foto: Roberto Guerra

Moacyr Franco fala à plateia de 400 jovens no Memorial da América Latina

O ator, cantor e compositor Moacyr Franco participou de debate na tarde desta segunda-feira (28/1) com os 400 jovens brasileiros e estrangeiros que participam da primeira edição nacional do Giffoni Film Festival, que segue até o dia 1º de fevereiro com programação diária no Memorial da América Latina, em São Paulo.

Franco representou o filme O Palhaço, no qual interpreta o hilário delegado Justo - a atuação  lhe rendeu o prêmio de Melhor Ator Coadjuvante no Festival de Paulínia de 2011. À vontade em bem-humorado, o artista de 75 anos divertiu a plateia composta de adolescentes brasileiros e de outras partes do mundo, como Itália, Coreia do Sul, México e Albânia.

O bate-papo rolou logo após a exibição do longa dirigido por Selton Mello, a quem Franco agradeceu a oportunidade. “Estou muito honrado de ter participado desse filme que teve uma carreira tão bonita. E feliz também por Selton ter lembrado de mim”, disse.

Indagado por uma jovem sobre quantos filmes havia feito anteriormente, brincou demonstrando ter perdido as contas para depois revelar: “Apenas um, querida. Em 1960 cantei no filme Vai Que é Mole, mas como ator O Palhaço foi o primeiro”.

Os adolescentes não aliviaram para Franco, que, entre contar uma passagem e outra de sua vida - principalmente dos tempos difíceis de criança pobre no interior de Minas Gerais -, teve de responder a questões como: “O que significa o ventilador no filme?” , “Porque a personagem Lola [vivida por Giselle Mota] não teve uma segunda chance na trama?” ou "O que diria a Deus se o encontrasse?".

Criado em 1971 na Itália, o Giffoni Film Festival é um evento de cinema voltado exclusivamente à formação de novas plateias. Realizados em outros países como Estados Unidos, Austrália e Polônia, ganha sua primeira edição brasileira este ano. Até o dia 1º de março, jovens estudantes da rede pública e privada de ensino do Estado terão a oportunidade de assistir a filmes de diferentes nacionalidades, participar de debates e oficinas com os realizadores dessas obras e fazer intercâmbio cultural com 30 adolescentes estrangeiros. 

Ao longo da semana, sempre a partir 19h, o Giffoni Film Festival é aberto ao público com oficinas, exibição de filmes e espetáculos musicais. Para conferir a programação completa, acesse: www.giffonispfilmfestival.com.br

FAVORITAR

noticia NÃO FAVORITADA

COMPARTILHE:

COMENTAR

comments powered by Disqus