Morre de câncer o ator Gilberto Martinho

19/08/2001 15h50

Morreu neste domingo, aos 74 anos, de câncer, o ator Gilberto Martinho.

Martinho participou de várias novelas da Rede Globo nos anos 60 e 70, incluindo Irmãos Coragem, Escrava Isaura e Gabriela. Também atuou em diversos filmes na década de 50, como O Rei do Movimento (1954), O Feijão é Nosso (1955), e Fuzileiro do Amor (1956).

O ator estava internado no hospital Copa D'Or, no Rio de Janeiro, para tratamento contra a doença.

Gilberto Martinho era casado e deixou esposa e três filhos.


BIOGRAFIA
Gilberto Martinho nasceu em Araranguá, SC, em 14 de janeiro de 1927. Ainda jovem, muda-se para o Rio de Janeiro, onde inicia os estudos de arte dramática, no Teatro do Estudante. A convite de Henriette Morineau, integra o grupo Os Artistas Unidos. Em 1951 tem sua primeira oportunidade no cinema no filme Maria Da Praia, sendo apontado como a revelação do ano, ganhando o prêmio da ABCC. Passa a ser bastante requisitado para outros trabalhos no cinema, chegando a fazer muitos outros filmes como Fuzileiro do Amor (56) e O Adorável Trapalhão (67). Paralelamente atuou também com destaque na televisão, principalmente no papel de Falcão Negro, super-herói brasileiro de muito sucesso na década de 50, ao lado de Haydeé Miranda. Em 1970, ganha notoriedade nacional ao interpretar o Coronel Pedro Barros na novela Irmãos Coragem. No teatro, brilha nas companhias de Bibi Ferreira, Marlene, Luiz Delfino e a equipe de Graça Mello.


FILMOGRAFIA

1951 - Maria da Praia
1954 - Rua Sem Sol
1955 - O Diamante; O Grande Pintor; Mãos Sangrentas; Paixão nas Selvas; O Rei do Movimento
1956 - O Feijão É Nosso; Fuzileiro do Amor
1957 - O Negócio foi Assim; Tudo É Música
1958 - Contrabando
1967 - Adorável Trapalhão
1976 - O Pistoleiro

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus