O Lar das Crianças Peculiares: Tim Burton responde sobre falta de representatividade

Resposta do diretor não foi bem respondida

04/10/2016 16h12

Depois do lançamento de O Lar Das Crianças Peculiares, muito se falou da escolha do elenco feita por Tim Burton. Afinal, Samuel L. Jackson, o vilão Barrow, é o único negro da produção. Ao ser entrevistado no Bustle, o diretor teve de explicar sua escolha.

"Hoje em dia as pessoas falam mais sobre isso. Certas coisas são necessárias ou não. Eu lembro quando era criança assistindo A Família Sol, Lá, Si, Dó eles começaram a ficar politicamente corretos. Ok, vamos colocar uma criança asiática e uma negra. Eu costumava ficar mais ofendido com isso do que... Eu cresci assistindo a filmes de Blaxploitation, certo? Achava ótimo. Não ficava falando, deveria haver mais gente branca nesses filmes", explicou. A fala do diretor não foi muito bem recebida pelo público. 

Samuel L. Jackson também se pronunciou. "Eu tive que entrar na minha mente e pensar, quantos personagens negros existem em filmes do Tim Burton? E eu posso ter sido o primeiro, eu não sei, ou o mais prominente nessa forma particular. Não acho que seja culpa dele ou do seu método narrativo, é só como as coisas se desenrolaram. Tim é um ótimo cara", defendeu o diretor.

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus