O Lobo de Wall Street quebra recorde de uso de palavrão

Filme chega aos cinemas brasileiros em 24 de janeiro

02/01/2014 11h16

Por Daniel Reininger

O Lobo De Wall Street foi recentemente acusado de glamorizar os crimes do corretor da Bolsa de Nova York Jordan Belfort. E a polêmica em torno da produção só aumenta.

Segundo a Wikipedia (via /Film), o longa dirigido por Martin Scorsese e estrelado por Leonardo DiCaprio estabeleceu um novo recorde para o uso da palavra "fuck" em uma obra de ficção.

O palavrão preferido dos norte-americanos aparece 506 vezes em 180 minutos de filme, superando a marca de O Verão De Sam (1999), filme de Spike Lee que usou a palavra 435 vezes.

Outros filmes de Scorsese também figuram na lista de mais boca-suja, como Cassino (1995), com 422 ocorrências e Os Bons Companheiros (1990), com 300.

Apenas o documentário de 2005, Fuck, bate esse recorde. O longa trata sobre o uso da palavra nos EUA e aparece 857 vezes em 93 minutos.

O Lobo de Wall Street chega aos cinemas brasileiros em 24 de janeiro.


Deixe seu comentário
comments powered by Disqus