Oscar 2019: Spike Lee se revolta com vitória de Green Book

Presentes no local afirmam que o diretor virou de costas durante o discurso de Peter Farrelly

25/02/2019 07h43

Por Diego Canha

Apesar das polêmicas envolvendo Green Book - O Guia, o longa de Peter Farrelly saiu como o vencedor do Oscar de Melhor Filme em 2019, e Spike Lee, diretor que concorria à categoria com Infiltrado Na Klan, parece não ter ficado nada feliz com o resultado da premiação.

De acordo com o The Hollywood Reporter, minutos após conquistar a estatueta de Melhor Roteiro AdaptadoLee estava furioso ao ouvir a vitória do filme estrelado por Mahershala Ali e Viggo Mortensen. Ele então levantou-se e caminhou em direção ao fundo do Teatro Dolby para conversar com Jordan Peele, diretor de Corra! e produtor de Infiltrado Na Klan. Quando retornou ao assento, o americano virou as costas para o palco durante o discurso de Farrelly.

The Hollywood Reporter trouxe uma declaração do diretor: "Me senti como se estivesse na quadra do New York Knicks e o juiz tivesse acabado de tomar uma decisão ruim". Veja o diretor (de roxo) de costas para o palco na imagem abaixo:

Oscar 2019: Confira os vencedores da premiação

Na sala de imprensa, Lee comentou sobre a premiação de 1989, quando seu filme Faça A Coisa Certa não conseguiu uma indicação e Conduzindo Miss Daisy venceu. "Este é o meu sexto copo e você sabe o porquê", disse ele aos repórteres presentes enquanto segurava uma taça de champanhe. "É uma picada de cobra! Toda vez que alguém está 'conduzindo', eu perco. Mas em 89 eu não fui nem nomeado, então...". 

O americano já deu algumas declarações comentando uma certa antipatia pelo atual vencedor do Oscar de Melhor Filme.  Ainda de acordo com a publicação, quando ele ouviu o nome de Green Book - O Guia, disse: "Eu pensei que eu estava na quadra do Garden (time de basquete) e que o juiz fez uma escolha ruim".

+ Oscar 2019: Spike Lee vence pela primeira vez

Momentos antes do diretor explicar seus sentimentos sobre a vitória do filme, o repórter da Associated Press, Andrew Dalton, twittou: "Lee ficou visivelmente furioso quando 'Green Book' foi anunciado como vencedor do Oscar. Com os braços cruzados e parecendo tentar sair do Dolby Theatre antes de ser parado nas portas. Ele voltou ao seu lugar quando os discursos terminaram".

Confira: 

De acordo com o Kansas City Star, Peele também se recusou a aplaudir a vitória do filme de Farrelly. Após a cerimônia, Lee saiu pouco tempo depois de ter gravado seu nome na estatueta.

Green Book - O Guia conta a história real do pianista Dr. Don Shirley (Mahershala Ali) e seu motorista Tony "Lip" Vallelonga (Viggo Mortensen) enquanto viajam em uma turnê pelo sul dos Estados Unidos. O filme gerou polêmica em todo o circuito de premiação depois que vários dos parentes do Dr. Shirley expressaram sua decepção em como partes de sua vida foram retratadas no filme. Sua sobrinha-irmã Yvonne Shirley disse que a abordagem era errada e a distância da família e a forma "desconectada da comunidade negra" eram falsas.

Além disso, o escritor e produtor Nick Vallelonga, que ganhou o prêmio de Melhor Roteiro Original, causou polêmica quando um tweet de 2015 reapareceu, no qual ele endossou a falsa alegação de Donald Trump de que os muçulmanos em Jersey City aplaudiram o atentado de 11 de setembro. Mais tarde ele pediu desculpas pelo post.

O diretor do filme também causou a fúria nas redes sociais quando um artigo veio a tona e revelou detalhes sobre da ocasião em que ele mostrou seus órgãos genitais para a atriz Cameron Diaz nos bastidores de Quem Vai Ficar Com Mary? em 1998.

Saiba tudo sobre o Oscar

Confira os Vencedores do OSCAR 2019

Confira o Tapete Vermelho do Oscar 2019

Oscar 2019: Veja curiosidades dos indicados a Melhor Filme

Azarados do Oscar: Eles receberam muitas indicações, mas nunca levaram a estatueta

Os 10 momentos mais polêmicos da história do Oscar

Oscar 2019: Relembre quem levou a estatueta de Melhor Filme nas últimas décadas

Oscar 2019: Onde assistir aos filmes indicados

Os vencedores do Oscar de Melhor Animação ao longo dos anos

Oscar 2019: Confira os esnobados pela Academia este ano

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus