OSCAR: O Som ao Redor está fora da disputa por melhor filme estrangeiro

Filme brasileiro não cumpriu expectativas e ficou de fora da lista de finalistas

20/12/2013 16h57

O elogiado filme brasileiro O Som ao Redor não está entre os finalistas na disputa pelo Oscar de melhor filme estrangeiro. A lista revelada pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas traz nove nomes - e algumas boas surpresas.

+ Leia a crítica de O Som Ao Redor

A obra de estreia do pernambucano Kleber Mendonça Filho entrou na lista dos 10 melhores filmes do ano do jornal norte-americano The New York Times. O filme também marcou presença em listas de outros veículos ao redor do mundo, o que aumentou as expectativas.

Entre as demais ausências, destaque para Azul É A Cor Mais Quente, que faturou a Palma de Ouro no Festival de Cannes e era considerado um dos grandes favoritos - o longa foi indicado ao Globo de Ouro na categoria. Outras ausências inesperadas são as de Gloria, filme chileno de Sebastián Lelio e O Passado, segundo trabalho do diretor iraniano Asghar Farhadi, que venceu o Oscar da categoria em 2012 por A Separação.

Confira os filmes que continuam na disputa:

The Broken Circle Breakdown - Felix Van Groeningen (Bélgica)

An Episode in the Life of an Iron Picker - Danis Tanovic (Bósnia)

L'image manquante - Rithy Panh (Camboja)

A Caça - Thomas Vinterberg (Dinamarca)

Duas Vidas  - Georg Maas e Judith Kaufmann (Alemanha),

O Grande Mestre - Wong Kar-Wai (Hong Kong),

The Notebook - Janos Szasz (Hungria)

A Grande Beleza - Paolo Sorrentino (Itália)

Omar - Hany Abu-Assad (Palestina)

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus