Roberto Farias, cineasta carioca, morre aos 86 anos

Ele foi responsável por mais de 25 títulos que marcaram o cinema nacional

14/05/2018 14h05

Por Thamires Viana

Roberto Farias, cineasta e produtor carioca, morreu na manhã desta segunda-feira (14), aos 86 anos. Ele estava internado em Copacabana, zona sul do Rio de Janeiro, e não resistiu após lutar contra um câncer.

Criador de clássicos como o O Assalto ao Trem Pagador, longa de 1962, e No Mundo da Lua, de 1958, Roberto era o irmão do ator Reginaldo Faria.

Nascido na capital fluminense, Roberto se tornou um dos mais influentes cineastas brasileiros e deixa clássicos registrados na história do cinema nacional com mais de 25 títulos onde atuou como produtor e diretor.

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus