Robin Williams: Pesquisa aponta que suicídios aumentaram após a morte do ator

Foram mais de 1.800 suicídios a mais que o previsto

08/02/2018 15h47

Por Thamires Viana

De acordo uma pesquisa da revista científica PLOS One, o número de casos de suicídio nos EUA aumentou após a morte do ator Robin Williams em agosto de 2014. Cinco meses após a tragédia, houve um aumento de 10% nos casos de pessoas que tiraram a própria vida. 

Os pesquisadores apontaram que entre os meses de agosto e dezembro daquele ano, 18.690 pessoas se suicidaram quando o esperado era 16.849 com base nas pesquisas. Foram mais de 1.800 suicídios a mais que o previsto.

Não é possível afirmar que as mortes tenham relação direta com o suicídio de Williams, mas os pesquisadores apontam que há uma conexão entre os casos.

O ator foi encontrado morto aos 63 anos após se enforcar com um cinto.

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus