Stephen Hawking: Relembre as aparições do físico na TV e no cinema

Cientista morreu aos 76 anos, na Inglaterra

14/03/2018 09h37

Por Iara Vasconcelos

Morreu nesta quarta-feira (14), aos 76 anos, o físico britânico Stephen Hawking. Famoso pelas teorias a respeito do universo e da gravidade, Hawking tornou-se exemplo de perseverança ao enfrentar por anos a esclerose lateral amiotrófica, uma doença degenerativa que limitou os seus movimentos e fala.

Para homenagear o cientista e toda a sua obra, relembramos algumas de suas melhores aparições em produções do cinema e da TV, como na série de comédia The Big Bang Theory e no documentário Monty Python: O sentido da vida ao vivo.

Confira:

Os Simpsons

Hawking virou desenho em um dos episódios da comédia animada. No episódio intitulado  "Eles Salvaram o cérebro de Lisa", o físico ajuda a resgatar a inteligente Lisa da fúria dos moradores de Springfield. O britânico ainda fez outras pequenas aparições ao longo do programa em 2004, 2006 e 2010.

The Big Bang Theory

O físico também deu as caras na comédia de temática nerd ao lado do espertalhão Sheldon Cooper e seus amigos. Na ocasião, ele participa de uma chamada por "skype" com os rapazes:

Johnny Galecki, que interpreta Leonard na série, usou o seu Instagram para lamentar a sua morte e relembrar o dia inesquecível. Confira:

Star Trek

Foi em 1993 que Hawking fez uma participação na sexta temporada da série de sci-fi. No divertido episódio, o cientista joga cartas ao lado de  Isaac Newton e Albert Einstein:

Monty Python: O sentido da vida ao vivo

Hawking interpretou ele mesmo no documentário que mostra os bastidores da reunião do grupo de comédia britânico para o grande stand-up realizado na arena O2, na Inglaterra. O cientista se uniu ao também físico Brian Cox para uma pequena esquete sobre a galáxia:

A Teoria De Tudo

Em 2014, o físico ganhou uma cinebiografia indicada ao Oscar em 5 categorias e que rendeu a Eddie Redmayne uma estatueta de "melhor ator" por interpretá-lo:

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus