Steven Spielberg diz que filmes da Netflix não deveriam concorrer ao Oscar

Cineasta acredita que plataformas de streaming representam concorrência desleal

22/03/2018 15h37

Por Iara Vasconcelos

Durante uma entrevista ao ITV News, Steven Spielberg afirmou que filmes de empresas de streaming como Netflix e Amazon não deveriam ser qualificados para o Oscar.

O diretor de Jogador Número 1 afirmou que a disputa com essas empresas é desleal para cineastas e produtoras menores e mais independentes.

"Cada vez menos diretores vão se esforçar para arrecadar dinheiro, ou para competir no Sundance e, possivelmente, conseguir que uma das distribuidoras lance seus filmes nos cinemas e um número cada vez maior deles vão deixar o negócio de streamings e video on-demand financiarem os seus filmes, talvez com a promessa de uma semana de exibição nos cinemas para conseguirem se classificar aos prêmios".

"Pra mim, se você se compromete com um formato de televisão, então você está fazendo um telefilme. Eu não acredito que os filmes que acabaram de receber qualificações simbólicas, em alguns cinemas por menos de uma semana, devem se qualificar para as indicações ao Oscar", completou.

Vale lembrar que Spielberg não é o único diretor renomado a reclamar de serviços como a Netflix. Christopher Nolan e Sofia Coppola disseram que as plataformas agem como substitutas do cinema e que isso prejudicará a indústria do cinema no futuro.

Deixe seu comentário
comments powered by Disqus