Veneza 2012: Leão de Ouro vai para coreano Pieta; Thomas Anderson fica com Leão de Prata

Pieta fala sobre a redenção de um delinquente.

08/09/2012 23h22

O filme sul-coreano Pieta, de Kim Ki-duk, foi premiado neste sábado (8/9) com o Leão de Ouro na 69ª edição do Festival de Veneza.

Exibido na última terça-feira (4/9), o grande vencedor do festival fala sobre a redenção de um delinquente que descobre seu lado mais humano em uma sociedade corrompida pelo dinheiro.

Paul Thomas Anderson
ficou com o Leão de Prata de melhor diretor pelo filme The Master, um dos favoritos ao maior prêmio da noite e que aborda a cientologia. O longa ainda garantiu o prêmio de melhor ator, que foi dividido entre os atores Philip Seymour Hoffman e Joaquin Phoenix.

The Master também ganhou o prêmio FIPRESCI, da Federação Internacional de Críticos. Já o prêmio de melhor atriz ficou com a francesa Hadas Yahron por sua atuação em Fill the Void.

Esta edição do festival foi presidida pelo cineasta norte-americano Michael Mann, ao lado de Ari Folman, Matteo Garrone, Ursula Meier, Peter Ho-Sun Chan, Pablo Trapero, Marina Abramovic e Samantha Morton.

Veja a lista de ganhadores:

Leão de Ouro: Pieta, de Kim Ki-duk
Leão de Prata de melhor diretor: Paul Thomas Anderson, por The Master
Prêmio Especial do Júri: Ulrich Seidl, por Paradies: Glaube
Copa Volpi de melhor ator: Joaquin Phoenix e Philip Seymour Hoffman, por The Master
Copa Volpi de melhor atriz: Hadas Yaron, por Fill the Void
Prêmio Marcello Mastroianni a um intérprete estreante: Fabricio Falco, Stato il Figlio e Bella Addormentata
Prêmio de melhor roteiro: Olivier Assayas, por Après Mai
Prêmio de melhor contribuição técnica: Daniele Cipri, por Stato il Figlio



Deixe seu comentário
comments powered by Disqus