O GUARDA-COSTAS E A PRIMEIRA DAMA